Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Desemprego, insegurança e habitação dominam “conversa aberta” com PM promovida pela JpD

Cidade da Praia, 29 Fev (Inforpress) – Os problemas de desemprego, insegurança e habitação dormiram a “conversa aberta” entre os jovens e o primeiro-ministro (PM), Ulisses Correia e Silva, promovida hoje na Cidade da Praia, pela Juventude para a Democracia (JpD).

O evento, que faz parte da rubrica “Conversas a Verde”, visava auscultar os anseios dos jovens e debater os desafios do país e foi aproveitado pelos jovens de diversas ilhas do país e residentes na capital para desabafar e falar dos problemas, das suas famílias e dos seus bairros.

Jovens licenciados à busca de primeiro emprego, jovens que estavam no emprego e foram despedidos, jovens que vivem em zonas vulneráveis e com vários problemas sociais, como a insegurança e a habitação degradada aproveitaram o momento para denunciar as respectivas situações.

Em resposta, o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, admitiu que os problemas “existem” no país, como em “várias partes do mundo”, mas indicou que o seu Governo está a trabalhar para melhorar a situação a vários níveis.

Sobre a questão do desemprego e o questionamento sobre a política do Governo, Ulisses Correia e Silva disse aos jovens que o sector público não tem condições para albergar toda a população desempregada, dada a grande “procura a pouca oferta”.

Neste sentido, indicou que a política desse Governo para emprego passa pelo crescimento económico e pelo investimento.

“Quanto mais o país crescer pelo investimento, mais empregos serão criados. Não se trata de algo abstracto. Com investimentos haverá novos empreendimentos, novas empresas e expansão das existentes que acabam por recrutar pessoas e reduzir a desemprego”, disse, alertando, entretanto, que não há possibilidades de contratar todos ao mesmo tempo.

“O que nos deixa confrontável é que essa criação de emprego está no processo positivo. Quanto mais possibilidade termos de país crescer, ter novas empresas, haverá mais probabilidade de alargar o número de contratados”, disse o chefe do Governo.

Por isso mesmo, afirmou que o Governo está a trabalhar num programa de reconversão profissional e neste sentido aconselhou os jovens a investirem também nas formações complementares, como a língua e informática, como forma de acrescentar valor à sua formação inicial.

“Os estágios profissionais são também um dos elementos que nos pode colocar em melhores condições para o mercado de trabalho”, disse, apontando também para soluções de auto-emprego.

Sobre a insegurança, em que um dos participantes relatou situações de medo por causa dos assaltos e falta de respostas por parte das entidades competentes, Ulisses Correia e Silva admitiu que a intranquilidade, sobretudo, na cidade da Praia, ainda existe,

Contudo, afirmou que em termos de segurança hoje a situação é melhor, fruto de vários investimentos realizados nos últimos anos.

“Temos muito mais policiamento de proximidade, policia com mais meios, temos videovigilância e os dados demonstram que houve melhorias. Pelo facto de termos as câmaras de videovigilâncias, conseguimos, preventivamente, evitar milhares de crimes. Podíamos estar muito piores”, disse.

No que se refere à habitação, o chefe do Governo adiantou que o executivo, em parceria com as câmaras municipais, está a investir 1,7 milhões de contos na reabilitação de casas das pessoas vulneráveis, no âmbito do Programa de Reabilitação Requalificação e Acessibilidades (PRRA).

Ademais, acrescentou o Governo está a bonificar juros para que as pessoas com rendimentos possam comprar a sua habitação em melhores condições.

As demoras nos processos de concurso públicos, bem como o excesso de documentação exigida, e que acabam por acarretar custos elevados aos concorrentes, muitas vezes em situação monetária precária, foram outros assuntos abordados durante o encontro.

MJB/JMV

Inforpress/fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos