Search
Generic filters
Filter by Categories
Ambiente
Cooperação
Cultura
Economia
Internacional
Desporto
Politica
Sociedade

Deputados falam a uma só voz em homenagem à revolução cubana

Cidade da Praia, 30 Jul (Inforpress) – Os deputados voltaram a falar hoje a uma só voz numa homenagem a Cuba, que, a 26 de Julho, assinalou o aniversário do assalto ao Quartel de Moncada, evento “marcante do processo da revolução” deste país das Caraíbas.

Felisberto Vieira, eleito nas listas do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV-oposição) foi quem deu mote para a discussão à volta do dia considerado “importante” pelos cubanos.

Segundo o parlamentar, em 1959, a revolução cubana [liderada por Fidel Castro e Che Guevara], derrotou a ditadura de Fulgêncio Baptista e instaurou um regime socialista, “marcadamente generoso, internacionalista e solidário para com todos os povos do mundo”.

Cuba, disse Felisberto Vieira, é uma “nação inspiradora” e útil na arena internacional.

Segundo ele, a comunidade cubana no arquipélago é “muito apreciada pelos cabo-verdianos”, por ser portadora de uma mais-valia e espírito de missão.

“Os laços entre cabo-verdianos e cubanos remontam os tempos coloniais, especialmente aos tempos da escravatura”, apontou Vieira, lembrando que da África profunda saíram milhares de homens e mulheres, ladenizados em Santiago, e que tiveram como destino Cuba e outros cantos das Américas.

Para Vieira, Cuba é um dos primeiros países a reconhecer a independência de Cabo Verde, em 1975, tendo dado um “contributo decisivo” para a luta de libertação nacional.

“Ao longo desses anos, tem sido um país amigo e activo no esforço do desenvolvimento de Cabo Verde, actuando especialmente na educação, através de diversificada formação de quadros, na saúde, na agricultura, no desporto e na cultura”, reconheceu o deputado tambarina, acrescentando que Cuba é uma “grande referência” para Cabo Verde.

Em nome do grupo parlamentar do Movimento para a Democracia (MpD-poder), Emanuel Barbosa enalteceu a cooperação entre os dois países, que remonta os primeiros anos depois da independência nacional.

“…Não podemos esquecer o contributo que recebemos [de Cuba] nas áreas de saúde, formação académica, agriculturas, entre outras, pelo que temos que nos congratularmos e dirigir uma palavra de apreço por esse dia”, indicou o deputado ventoinha.

O presidente do grupo de amizade Cabo Verde Cuba, Filinto Santos, ele também do MpD, enalteceu as relações bilaterais de cooperação e solidariedade entre os dois países.

LC/JMV
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos