Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Deputados do PAICV preocupados com a falta da iluminação pública em Santiago Sul

Cidade da Praia, 12 Jan (Inforpress) – Os deputados do PAICV pelo círculo de Santiago Sul manifestaram-se hoje preocupados com a falta de iluminação pública na região e pedem à Electra o alargamento da rede de energia a todas as localidades.

Esta preocupação foi manifestada hoje, pelo porta-voz do grupo dos deputados que hoje efectuaram uma visita à Electra, Julião Varela, com vista a se inteirar das preocupações da empresa para o efeito de resolução.

“Nós quizemos em primeiro lugar conhecer o plano para o ano de 2022. Abordamos também o problema da iluminação pública no círculo eleitoral de Santiago Sul, Praia, São Domingos e Ribeira Grande de Santiago, que precisam de intervenção da Electra, tendo em conta que para além da escuridão, há, portanto, o problema da segurança que está associada à ausência de iluminação”, frisou.

Neste sentido, os deputados pediram ao conselho de administração da Electra para que as intervenções sejam feitas, por exemplo, nas zonas de Achada Mato, onde algumas pessoas não têm acesso à energia, Água Funda, Alto Safende, e algumas localidades do concelho de São Domingos, pelo que esperam que, nos próximos tempos, venham a ser feitas intervenções no sentido da reposição deste bem essencial.

Daí que, segundo Julião Varela, há a necessidade de alargamento da rede a todas as localidades porque pensam que todos devem pagar a energia que consomem, para que haja maior eficiência na prestação desse serviço.

Uma outra questão abordada com a Electra, avançou, tem que ver com a a facturação e o roubo de energia, assuntos sobre os quais, adiantou, têm recebido várias reclamações. Disse ainda que a empresa está “ciente” desta preocupação, avisando que podem intervir sempre que solicitada junto dos clientes para ver o que se passa tendo em conta que podem ser questões operacionais, que carecem de alguma intervenção.

“Sobre esta questão há uma perda significativa aqui na cidade da Praia, cerca de 36% de perdas que se devem muitas vezes à falta de investimentos, a empresa tem que fazer mais investimentos, levar a energia a todos os cantos para evitar que efectivamente as pessoas recorram ao roubo de energia” recomendou.

Na mesma ocasião, conforme Julião Varela, estiveram ainda sobre a mesa, a questão da dívida entre as empresas Electra e AdS, que muito recentemente provocou a suspensão do fornecimento de água na cidade da Praia, causada por essas dívidas, para saberem em que pé se encontram as negociações.

“Portanto a garantia que nós levamos daqui é que o assunto foi negociado, há um acordo a ser cumprido e esperamos que isso não venha a acontecer”, salientou.

ET/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos