Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Deputados do MpD “preocupados” com a falta de desassoreamento das ribeiras e “ausência” da CMP em Simão Ribeiro

Cidade da Praia, 21 Jul (Inforpress) – Os deputados do MpD de Santiago Sul mostraram-se hoje “preocupados” com a falta de desassoreamento das ribeiras em Simão Ribeiro, tendo em conta o aproximar da época das chuvas e a “ausência” da CMP no referido bairro.

A preocupação dos deputados do Movimento da Democracia (MpD) foi manifestada por Alberto Melo, em declarações à Inforpress, à margem da visita que o Grupo Parlamentar efectuou ao bairro de Simão Ribeiro, na Cidade da Praia.

Segundo disse, os deputados do partido que sustenta o Governo têm efectuado visitas a diferentes bairros da capital para auscultar os moradores e as preocupações, que por sua vez serão levadas ao debate parlamentar.

“Viemos nos inteirarmos do projecto de água e electricidade do Governo que prevê levar a rede de água, de electricidade e esgotos a Simão Ribeiro. Este projecto já iniciou e cerca de 180 casas já estão ligadas à rede de água neste bairro e quisemos também com esta visita ouvir a população local”, disse.

De acordo com o deputado nacional, durante a visita puderam constatar a preocupação manifestada pelos moradores de Simão Ribeiro, relativamente à falta de protecção de muros numa obra iniciada no anterior mandato da câmara municipal, que segundo disse, já causou acidentes envolvendo duas crianças.

Alberto Melo defendeu a necessidade da actual equipa camarária dar continuidade às obras iniciadas, uma intervenção urgente para evitar mais acidentes, criticando que em quase um ano de mandato, a CMP ainda não fez nada para melhorar a situação de vida dos moradores.

Mostrou-se, por outro lado, “preocupado” com a demora dos preparativos para a época das chuvas, e o desassoreamento das ribeiras em Simão Ribeiro, lembrando que no ano passado os estragos foram muitos e que é preciso agir na prevenção.

Criticou ainda a autarquia local de inércia no que se refere às acções municipais, salientando que o Governo sozinho não consegue dar respostas a todos os desafios do poder local.

“A câmara não tem feito nada, a limpeza de ribeiras deve ser feita no tempo certo porque se não for feita agora, amanhã pode ser tarde e esperamos que a autarquia não venha culpar o MpD por isso e como temos visto, até agora não foi feito nenhum trabalho de manutenção e prevenção para a época das chuvas no município da Praia” referiu.

CM/JMV
Inforpress/Fim.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos