Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Defesa de Alex Saab pede suspensão do processo de extradição do venezuelano

Cidade da Praia, 13 Fev (Inforpress) – O advogado de defesa de Alex Saab anunciou que apresentou um recurso ao Supremo Tribunal de Justiça para suspender o processo de extradição por parte de Cabo Verde, enquanto aguarda decisão do Tribunal da CEDEAO.

Em comunicado, divulgado sábado, o advogado José Pinto Monteiro, que lidera a defesa de Alex Saab em Cabo Verde, avançou que o recurso deu entrada na sexta-feira no Supremo Tribunal de Justiça de Cabo Verde.

“Tendo agora Cabo Verde aceite a jurisdição do Tribunal da CEDEAO, tal como comprovado pelo seu comparecimento e pelas alegações orais apresentadas pelo seu advogado em 05 de Fevereiro, na audiência principal, não poderá haver razão alguma para o Supremo Tribunal não suspender o processo de extradição,” referiu.

Lembrou que a 02 de Dezembro, o Tribunal da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) ordenara a colocação de Alex Saab em regime de prisão domiciliária, devido ao seu estado de saúde.

O Tribunal da CEDEAO deverá pronunciar-se sobre a legalidade da detenção e o processo de extradição no próximo dia 11 de Março.

Detido a 12 de Junho no Aeroporto Internacional Amílcar Cabral, na ilha do Sal, Saab, considerado um testa-de-ferro do Presidente da Venezuela,

Nicolás Maduro, é acusado pela Justiça América, que pede a sua extradição por alegada lavagem de capitais no montante de 350 milhões de dólares através do sistema financeiro dos Estados Unidos.

O Governo da Venezuela afirma que ele tem imunidade diplomática e que estava ao serviço do país. A defesa também já recorreu à Comissão dos Direitos Humanos das Nações Unidas e ao Tribunal da CEDEAO.

CM/JMV
Inforpress/Fim.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos