Dados do INE apontam para 8.749 professores em Cabo Verde divididos por quatro grupos

 

Cidade da Praia, 23 Abr (Inforpress) – Cabo Verde tem, neste momento, 8.749 professores, sendo que 1.283 leccionam no Pré-escolar, 2.993 no Ensino Básico, 3.141 no Ensino Secundário público e 1.332 encontram-se no Ensino Superior, segundo os dados divulgados pelo INE.

Segundo dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) , que aproveitou o Dia do Professor Cabo-verdiano, comemorado hoje, 23 de Abril, para divulgar essas informações em parceria com o Ministério da Educação, no Pré-escolar, 100% dos profissionais de infância são do sexo feminino e 30,4% tem formação.

O município que tem maior número de profissionais de infância com formação é o Paul, ilha de Santo Antão, ou seja, 70,6%, enquanto nos Mosteiros na ilha do Fogo, na Ribeira Brava e Tarrafal de São Nicolau, nenhum desses profissionais de infância tem formação.

No Ensino Básico, em que 97,6% dos docentes têm formação, 71% dos professores são do sexo feminino, 29% do sexo masculino, sendo que no concelho do Paul, Maio, São Miguel, São Salvador do Mundo e Brava, 100% dos professores são formados.

Quanto ao Ensino Secundário público, a maior percentagem de professores com formação encontra-se em São Domingos e Ribeira Grande de Santiago, com 97,2% e 98,1%, respectivamente, enquanto que o município com menor percentagem de professores com formação é São Lourenço dos órgãos, com 71,4%.

Por sua vez, de acordo com os números do Ensino Superior, 14,8% dos professores têm grau de doutor, 38,6% licenciados e 46,6% mestres, sendo que 61% são do sexo masculino e 39% do sexo feminino.

O Dia do Professor Cabo-verdiano, que coincide com o Dia Mundial do Livro, foi estabelecido em homenagem ao Baltasar Lopes da Silva, um dos romancistas mais lido do país com a obra Chiquinho de 1947, nascido a 23 de Abril de 1907, no Caleijão, ilha de São Nicolau.

DR/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos