Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Covid-19/: Projecto Tartaruga Boa Vista lança campanha online para ajudar famílias

Sal Rei, 10 Mai (Inforpress)  – O Projecto Tartaruga Boa Vista tem em curso duas campanhas online, uma internacional e outra nacional, de arrecadação de verbas para apoiar famílias da ilha da Boa Vista com problemas socioeconómicos, que advém da pandemia da covi-19.

Conforme explicou uma das colaboradoras do projecto, Katia d´Assunção, a campanha online, que teve início há duas semanas, esta aberta quanto a data assim como no limite das doações individuais, e o tecto a arrecadar é cinco mil euros, mas que ambicionam ultrapassar este valor.

Além desse objectivo, as organizações Bios CV, Fundação Tartaruga e CV Natura 2000, assim como o Ministério de Agricultura e Ambiente aportaram um total de quatro mil euros, o que fará um total de nove mil,  que se destinará “integramente à campanha”.

Sendo que a campanha na plataforma online é feita em euros (gofoundme), o Projecto Tartaruga Boa Vista decidiu criar uma forma de se fazer doações a nível nacional.

Para a campanha a nível nacional, não se estabeleceu valores e os interessados tem que aceder e enviar mensagem na página oficial do Projecto Tartaruga Boa Vista na rede social Faceboock, para se obter informações sobre como proceder ao depósito.

“O valor arrecadado na campanha será usado na aquisição de kits de higiene pessoal e domiciliário, alimentos, água potável para uso doméstico e ainda mascarás”, apontou, tudo para famílias que estão “realmente em condição de alta vulnerabilidade”, que precisam de ajuda para poder enfrentar os problemas sociais e económicos da covid-19.

Segundo a mesma fonte, para compor os kits de higiene vai-se comprar sabões na Associação de Mulheres do Norte (Tambra), que trabalha na confecção de produtos naturais. Os alimentos frescos serão adquiridos junto de produtores locais.

Para a elaboração das máscaras, a colaboradora frisou que seguiram as recomendações do Governo sobre as directrizes a seguir na confecção desse equipamento de protecção, sendo que pretendem adquirir parte das máscaras numa parceria local sobre produção manufacturada e artesanal.

Cabo Verde contabiliza 246 casos positivos acumulados do novo coronavírus, 56 recuperados e dois óbitos, sendo um turista inglês, de 65 anos, na Boa Vista, e uma idosa de 92 anos, na Cidade da Praia.

VD/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos