Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Covid-19: Ministério da Saúde confirma circulação da variante inglesa em Cabo Verde

Cidade da Praia, 01 Mar (Inforpress) – A presidente do INSP, Maria da Luz Lima, disse hoje que a variante inglesa da SARS-CoV-2 está a circular em Cabo Verde e considerou “preocupante” a confirmação dessa variante no país devido a sua alta taxa de contaminação.

A constatação da presidente do Instituto Nacional da Saúde Pública (INSP) foi feita durante a habitual conferência de imprensa sobre a evolução da situação epidemiológica no país, realizada na Cidade da Praia.

Segundo elucidou, recentemente foram enviadas com apoio da Organização Mundial da Saúde, 77 amostras recolhidas em todas as ilhas do arquipélago, correspondentes aos meses de Dezembro, Janeiro e Fevereiro, ao laboratório de Dacar, Senegal.

“Dos resultados que chegaram, identificaram que a maior parte do vírus circulante no país é da Europa Ocidental e foram sequenciadas nesta primeira fase 24 amostras e dessas duas eram da variante inglesa”, referiu.

De acordo com a presidente do INSP, isto quer dizer que no país circulou ou está a circular a variante inglesa do vírus SARS-CoV-2, alertando que a sua confirmação no país “é preocupante” tendo em conta a alta taxa de transmissão comparativamente ao vírus original da covid-19.

“De qualquer maneira, se a taxa de transmissibilidade é elevada isto quer dizer que vão haver também mais casos e mais casos graves e, eventualmente, mais óbitos. Neste sentido, é fundamental continuarmos a insistir na implementação forte de medidas preventivas, distanciamento, uso obrigatório das máscaras, para que a propagação do vírus seja menor possível”, apelou.

Maria da Luz Lima reiterou que nos próximos dias a comunicação será reforçada para chamar a atenção da população sobre a nova situação que o país está a viver devido a pandemia da covid-19.

Um estudo divulgado no passado mês de Fevereiro pelo Governo britânico indica que a nova variante do novo coronavírus, agora predominante no país, pode ser até 70% mais mortal que as anteriores.

O Ministério da Saúde e da Segurança Social informou hoje que do total de 312 resultados processados nas últimas 24 horas foram confirmados 32 casos novos positivos e 61 recuperados.

O país passa a contabilizar 397 casos activos, 14.875 casos recuperados, 147 óbitos, cinco óbitos por outras causas e oito transferidos, perfazendo um total de 15.432 casos positivos acumulados.

A pandemia de covid-19 provocou 2.531.448 mortos em todo o mundo desde que foi detectada, pela primeira vez, na China, em Dezembro de 2019, avançou hoje a agência francesa AFP, que faz o balanço diário das vítimas da doença.

Os países que registaram maior número de mortes nos últimos relatórios foram os Estados Unidos, com 1.001 vítimas mortais, seguido pelo Brasil (721) e pelo México (458).

CM/CP 

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos