Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Covid-19: Medidas de protecção social de cuidados a idosos implementadas pela autarquia da Praia beneficiam 374 pessoas

Cidade da Praia, 20 Mai (Inforpress) – A Câmara Municipal da Praia (CMP) já prestou assistência a 374 idosos, no quadro do plano de protecção social de cuidados a domicilio a idosos, visando garantir protecção dos mesmos contra a acovid-19 e assegurar a satisfação das suas necessidades.

Segundo avançou à Inforpress a vereadora da Acção Social da CMP, Ednalva Cardoso, essas medidas levadas a cabo pela autarquia praiense foram adoptadas pelo Governo no contexto da covid-19, para que idosos de diferentes municípios do país tivessem assistência a domicílio.

O Governo adoptou o sistema de cuidados a domicílio, com recurso ao recrutamento de trabalhadores sociais, cuidadores e voluntários, em articulação com os serviços das câmaras municipais, da Protecção Civil e da Saúde.

Uma medida que visa assegurar o reforço das equipas sociais locais, com a contratação de cuidadores formados e cuidadores informais, para garantir a entrega de refeições ao domicílio e elaborar uma triagem dos idosos em situação de dependência, que vivem isolados.

Assim, disse a vereadora, a CMP, no quadro dessas medidas, já prestou assistências a 374 idosos no quadro das medidas de protecção social de cuidados a domicílio, visando garantir a protecção aos mesmos contra acovid-19.

“O trabalho iniciou-se com o tratamento de base de dados facultado pelo Ministério de Família e Inclusão Social. Logo, traçamos uma estratégia que consiste na identificação dos líderes das associações comunitárias para assim identificar as pessoas idosas sem contacto de telefone, de forma a fazer melhor gestão do tempo”, referiu.

No entanto, a responsável revelou que foram constatadas que as necessidades para as pessoas de terceira idade são bem maiores do que as restritamente inscritas no Cadastro Social Único, pertencentes ao grupo 1 e 2, previamente designados grupos extremamente pobres e pobres.

Neste sentido, começou-se por dar respostas, igualmente, aos idosos das delegações da Câmara Municipal da Praia, com um total de 104 pessoas da terceira idade e 44 pessoas idosas inscritas na Cruz Vermelha de Cabo Verde e outras previamente identificadas após a triagem.

De acordo com a autarca, as pessoas da Terceira Idade atendidas estão distribuídas por 29 bairros da Praia, que contou com apoio de 12 enfermeiros do “Grupo Enfermeiros Activos”, que voluntariamente se disponibilizaram para o efeito.

Nessa fase, adiantou, foram entregues cestas básicas e produtos de higiene, bem como a medição de Tensão Arterial (TA), da Glicemia (EGLI), recomendações de cuidados de saúde e de prevenção sobre Acidente Vascular Cerebral (AVC), diabetes, deficiência no pâncreas, pequenas feridas e úlceras de pressão.

As medidas de protecção social de cuidados a idosos municípios foram igualmente implementadas nos municípios de São Domingos, Ribeira Grande Santiago, Santa Cruz, Tarrafal de Santiago, Santa Catarina, Mosteiros e nas ilhas de São Vicente, Brava e Maio.

Estão registados no Cadastro Social Único 2.892 idosos que vivem só, dos quais 1.195 têm mais de 80 anos.

CM/JMV
Inforpress/Fim.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos