Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Covid-19/Ilha do Sal: Delegado de Saúde acautela para reforço de vigilância e medidas de isolamento

Espargos, 22 Abr (Inforpress) – O delegado de Saúde, no Sal, acautelou para o reforço da vigilância e medidas de isolamento a indivíduos em quarentena ou infectados, para evitar a propagação da Covid-19, de modo a que tudo volte, gradualmente, à normalidade.

José Rui Moreira falava em entrevista à Inforpress, tendo em atenção os registos de casos positivos em Cabo Verde.

“Há que reforçar a vigilância, patrulhamento das ruas e melhorar as medidas de isolamento de forma a mitigar a propagação da doença”, ponderou o médico.

Em razão da pandemia do coronavírus, que assola o mundo e a que o País já assinala 73 casos confirmados, a mesma fonte reiterou tomada de medidas mais “musculadas”, para que as pessoas possam tomar consciência e cumprirem as orientações das autoridades.

“Não se trata de uma questão individual, trata-se de um problema social, de todos. Não há outra saída senão o confinamento domiciliar. As medidas preventivas devem ser postas em prática, de modo a evitar a propagação da doença … é para o bem de toda a gente”, observou o médico em tom de apelo.

Cabo Verde conta com 73 casos positivos, sendo 52 na ilha da Boa Vista, 19 na cidade da Praia (dois dos quais vindos da Boa Vista), um no concelho do Tarrafal e um na ilha de São Vicente.

Dos casos confirmados, registou-se um óbito, um cidadão inglês de 62 anos, que se encontrava de férias na ilha da Boa Vista, e um doente recuperado.

A nível global, segundo um balanço da AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 178.500 mortos e infectou mais de 2,5 milhões de pessoas em 193 países e territórios.

Os Estados Unidos são o país com mais mortos (45.075) e mais casos de infecção confirmados (mais de 825 mil).
Seguem-se Itália (25.085 mortos, em quase 188 mil casos), Espanha (21.717 mortos, mais de 208 mil casos), França (20.796 mortos, mais de 158 mil casos) e Reino Unido (18.100 mortos, mais de 133 mil casos).

SC/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos