Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Covid-19/Fogo: Delegacia de Saúde “preocupada” com desaceleração na procura da vacina

São Filipe, 28 Set (Inforpress) – A Delegacia de Saúde de São Filipe revelou hoje “preocupação” com o registo de desaceleração da procura da vacinas, sobretudo por pessoas idosas, gestantes e alguns jovens.

A delegada de Saúde, Joana Alves, disse que ainda persiste “alguma desinformação” em relação à vacina, não obstante as autoridades sanitárias terem estado a sensibilizar as pessoas da necessidade de se vacinar como forma de combater a pandemia da covid-19.

Os dados avançados na segunda-feira, 27, apontam que no município de São Filipe estão vacinadas com a primeira dose um total de 11.192 pessoas, o que corresponde a 88,7 por cento (%), o que significa que na última semana foram vacinadas pouco mais de um ponto percentual.

Com a vacinação completa os dados apontam para uma procura significativa e até o final da semana passada estavam completamente imunizadas 4.782, equivalente a 32% da população elegível, que é de 12.616 pessoas, mais seis por cento que na semana anterior.

Quanto ao município de Santa Catarina do Fogo, cujo centro de Saúde depende da delegacia de Saúde, as pessoas vacinadas com a primeira dose ultrapassam 2.400, equivalente a 79% e com a vacinação completa pouco mais de 900 pessoas, correspondente a 29,6%.

Com relação a casos de covid-19 na última semana passada o município de São Filipe contabilizou, quatro casos no universo de 327 amostras analisadas e tem neste momento cinco casos activos.

A ilha, neste momento, contabiliza seis casos activos, sendo cinco no município de São Filipe e um no município de Santa Catarina, enquanto o município dos Mosteiros está sem casos activo há mais de duas semanas.

Desde o surgimento do primeiro caso a 17 de Agosto de 2020, a ilha do Fogo contabilizou 3.188 casos diagnosticados acumulados, distribuídos pelos municípios de Santa Catarina, com 258 casos acumulados, Mosteiros, com 678, e São Filipe, com 2.252 casos.

Em relação aos recuperados, o total de 3.164 distribuem-se por Santa Catarina (254), Mosteiros (675) e São Filipe (2.235).

Relativamente aos 15 óbitos, nove foram registados em São Filipe, três em Santa Catarina do Fogo e três nos Mosteiros.

JR/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos