Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Covid-19: Equipa médica de São Nicolau vai ser reforçada para fazer face ao aumento de casos na ilha

Cidade da Praia, 15 Jul (Inforpress) – O director nacional de Saúde, Artur Correia, anunciou hoje a deslocação para São Nicolau de uma equipa integrada por médico, técnico epidemiologista e enfermeiros para reforçar a equipa local para face ao aumento de casos na ilha.

O anúncio foi feito em conferência de imprensa, no dia em que foram confirmados 12 novos casos no município de Ribeira Brava, elevando para 30 o número total de casos em São Nicolau, cujo primeiro caso foi registado no dia 13 de Junho.

“Neste momento está-se a preparar a ida de uma equipa de São Vicente com um médico, uma enfermeira e um técnico de epidemiologia (cubano), para ajudar São Nicolau a organizar-se e fazer face a propagação do vírus”, disse, adiantando que vai ainda mais um enfermeiro que esteve na ilha da Boa Vista a trabalhar no quadro da epidemia.

Artur Correia salientou que os casos têm aparecido, sobretudo, no concelho de Ribeira Brava pelo que se espera que essa equipa possa ajudar a estancar os casos com base nas experiências e boas práticas de São Vicente e Boa Vista.

Artur Correia anunciou igualmente a deslocação esta quinta-feira, 16, de uma equipa do Ministério de Saúde, que integra uma intensivista da Organização Mundial da Saúde (OMS), para ilha do Sal, para ajudar a equacionar a abertura do centro de internamento para doentes de covid-19.

“Vai-nos ajudar a organizar esse centro, corrigir e melhorar, dar sugestões sobre a forma como estamos organizados no Sal”, indicou o director nacional de Saúde.

O porta-voz do Ministério da Saúde e Segurança Social confirmou o registo de mais 58 casos positivos de covid-19 nas últimas 24 horas, sendo 23 no Sal, 15 na Praia, 12 em São Nicolau, um em São Vicente, cinco em Santa Cruz, um na Ribeira Grande de Santiago e um em Santa Catarina.

O director nacional de Saúde salientou que são dados de vários dias, estando o país no processo de recuperação das amostras pendentes. Para tal, além dos três laboratórios de virologia ao nível do país, realça a colaboração do Instituto Ricardo Jorge, de Portugal.

“Por exemplo, em relação ao Sal, que tínhamos 800 e tal amostras, neste momento só temos 67 atrasados, dados de hoje, de forma que é uma recuperação extraordinária e isso é muito bom”, disse precisando que a nível nacional, neste momento, encontram-se apenas 549 amostras pendentes para exames.

Até às 15:00 Cabo Verde contava com 923 doentes activos dos quais 15 estão hospitalizados e três em estado crítico.

Os dados mostram igualmente que foram registados mais 42 recuperações, aumentando para 892 as pessoas recuperadas da infecção provocada pelo novo coronavírus.

Notificado em Cabo Verde no dia 19 de Março, o novo coronavírus já provocou o total de 1.837 infectados e 19 óbitos.

A nível mundial a pandemia já causou a morte a pelo menos 578.746 pessoas e infectou mais 13,3 milhões em todo o mundo desde Dezembro, segundo um balanço da agência AFP baseado em dados oficiais.

MJB/CP

Inforpress/fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos