Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Covid-19: Câmara da Praia assegura e melhora serviços de saneamento durante o estado de emergência – vereador  

Cidade da Praia, 22 Abr (Inforpress) – A Câmara Municipal da Praia vem seguindo “à risca” as medidas de prevenção contra o novo coronavírus, com respostas “mais eficazes”, visando assegurar o serviço de saneamento em tempos da covid-19.

A informação foi avançada à Inforpress pelo vereador do Saneamento da autarquia da capital, António Lopes da Silva, quando abordava o funcionamento do sector que dirige em estado de emergência, na sequência da pandemia do novo coronavírus.

“Estamos a funcionar normalmente, mas aumentamos ritmo de recolha de lixo e de contentores no concelho. O lixo em tempos do covid-19 é tratado pela delegacia da saúde e depois é levado para o aterro”, disse.

Segundo o vereador, a autarquia, nestes tempos, reorganizou os Serviços de Saneamento de forma a “dar respostas aos cidadãos praiense”, tendo aumentado a recolha com mais um camião para melhorar o serviço, assim como varredeiras nos bairros mais problemáticos.

O concelho da Praia, que já disponha de 200 contentores, vai, conforme António Lopes da Silva, ser contemplado com mais 115 visando melhorar o serviço de saneamento e manter a cidade da Praia limpo.

Para proteger os funcionários do Serviço de Saneamento, aquele vereador adiantou que foi distribuído, a cada um, equipamentos de protecção que, além de vestuário, inclui uvas e máscaras.

“Neste momento estamos a distribuir viseiras para que possam sentir-se mais protegidos”, acrescentou.

Ainda segundo o vereador do Saneamento, os trabalhadores mais vulneráveis, incluindo as varredeiras com 60 a 65 anos, que foram dispensados, enquanto os outros cumprem o trabalho em turno.

António Lopes da Silva avançou ainda que a câmara da Praia decidiu, durante o período de estado de emergência, disponibilizar gratuitamente a água nos chafarizes para quem não possa pagar.

Sublinhou que a recolha de lixo tem estado “muito equilibrado”, explicando que neste momento, porque o lixo comercial está a ser levado pelos próprios ao aterro, “não tem havido aumento de sujeira” na capital do País.

Num momento em que Cabo Verde, assim como o resto do mundo, atravessam a maior crise de saúde pública, António Lopes da Silva disse que a prioridade da Câmara Municipal da Praia é proteger a saúde pública dos praienses e dos trabalhadores do sector de saneamento.

PC/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos