Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Covid-19: Cabo Verde reporta mais dois óbitos e 75 novas infecções em 24 horas

Cidade da Praia, 03 Mar (Inforpress) – Cabo Verde reportou hoje dois óbitos relacionados com a covid-19 e 75 casos de infecção pelo novo coronavírus e 23 recuperados, segundo a Direcção Nacional da Saúde.

De acordo com o boletim epidemiológico do Ministério da Saúde, ao todo, foram feitos, esta terça-feira, nos laboratórios nacionais, 739 testes.

Os óbitos ocorreram em São Miguel (interior de Santiago) e em São Filipe, ilha do Fogo, e os 23 recuperados são da Praia (20), São Domingos (01), Tarrafal (01) e São Miguel (01).

Na Cidade da Praia foram revelados 28 novos casos, enquanto na Ribeira Brava, na ilha de São Nicolau, registaram-se 20, Santa Catarina (Santiago) 06, Ribeira Grande de Santiago 05, Sal 04, São Vicente 04, Boa Vista 02, São Filipe 02, São Salvador do Mundo 01, São Miguel 01, Santa Cruz 01 e São Lourenço dos Órgãos 01.

Segundo a mesma fonte, o País passa a contabilizar 474 casos activos, 14.921 recuperados, 150 óbitos, cinco por outras causas e oito transferidos, perfazendo um total de 15.558 casos positivos acumulados.

O primeiro caso de covid-19 diagnosticado em Cabo Verde foi a 19 de Março de 2020, na ilha da Boa Vista.

A pandemia do novo coronavírus, segundo a agência France Press (AFP), citada pela Lusa, provocou a nível mundial 10.558 mortes nas últimas 24 horas, enquanto o número de novos casos de infecção se situou nos 406.096.

Estes números representam uma subida significativa em relação aos valores relativos a segunda-feira (e divulgados na terça-feira pela agência noticiosa francesa), dia em que foram recenseados 6.800 mortos e 298.141 casos da doença covid-19 em todo o mundo.

No total, e desde que o novo coronavírus (SARS-CoV-2) foi identificado na China em Dezembro de 2019, a doença covid-19 já provocou pelo menos 2.549.910 mortes entre os mais de 114.713.590 casos de infecção oficialmente diagnosticados em todo o mundo.

Os países que registaram mais mortes nas últimas 24 horas foram, e de acordo com os respectivos balanços nacionais, os Estados Unidos da América (EUA) com 2.136 óbitos, o Brasil (1.641) e o México (1.035).

Os Estados Unidos continuam a ser o país mais afectado a nível global, tanto em número de mortos como de casos, com um total de 516.616 mortes entre 28.719.660 casos recenseados, segundo a contagem da universidade norte-americana Johns Hopkins.

Depois dos EUA, a lista dos países mais afectados em termos globais mantém-se inalterada: Brasil com 257.361 mortos e 10.646.926 casos, México com 187.187 mortos (2.097.194 casos), Índia com 157.346 mortos (11.139.516 casos) e o Reino Unido com 123.296 mortos (4.188.400 casos).

Entretanto, a Interpol, organização policial de combate a crimes internacionais, anunciou hoje que as autoridades sul-africanas e chinesas apreenderam milhares de vacinas falsas contra a covid-19 nos seus países, tendo feito pelo menos 85 detenções.

Na África do Sul, as autoridades apreenderam 2.400 doses, num armazém na cidade de Germiston, na província de Gauteng, onde também confiscaram uma grande quantidade de máscaras de protecção individual, tendo detido três cidadãos chineses e um da Zâmbia.

LC/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos