Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Covid-19/Brava: Protecção Civil volta a reforçar mensagem do estado de emergência e as medidas de combate ao covid-19

Nova Sintra, 14 Abr (Inforpress) – Os agentes do Serviço da Protecção Civil da Brava iniciaram mais uma campanha de sensibilização sobre o estado de emergência e o reforço das medidas de combate ao covid-19.

Esta informação foi avançada hoje à Inforpress, pelo responsável do Serviço da Protecção Civil na Brava, António Marcelino, que explicou que desta vez iniciaram a campanha pela comunidade de Lomba e de Cachaço.

Questionado sobre o objectivo que norteou o reforço da campanha de sensibilização da população, o responsável avançou que iniciaram pelas zonas onde não há sinais de televisão e nem da rádio pública, por um lado, e, por outro, muitos estão na posse de informações um pouco “deturpadas” sobre o alargamento do estado de emergência, criando um certo pânico nestas comunidades.

Daí, explicou que decidiram “refrescar” as mensagens que tinham sido passadas no início desta pandemia, nomeadamente as medidas e regras de higiene, formas de prevenção e as medidas que estão a vigorar na lei do estado de emergência.

António Marcelino realçou que esta acção de sensibilização não é especificamente para falar de um possível alargamento do estado de emergência, mas para informar estas pessoas que não se deve “baixar a guarda”, mesmo que na ilha Brava não exista nenhum caso suspeito.

De acordo com o responsável da Protecção Civil na Brava, muitas pessoas procuram este serviço, indagando sobre a possibilidade do alargamento ou não do estado de emergência.

António Marcelino adiantou que o serviço da Protecção Civil aproveita para lhes explicar os motivos, caso vier a ser alargado, e as medidas que serão tomadas para caso houver necessidade de algum apoio alimentar ou de outra índole.

Ressaltou que vão continuar com a acção de sensibilização e de esclarecimento em outras localidades e que continuam, juntamente com as outras autoridades da ilha, na fiscalização do cumprimento das regras estabelecidas na lei, tanto nas ruas como nos estabelecimentos comerciais, desinfecção na chegada de mercadorias, entre outras acções que são necessária.

Sobre apoios, avançou que os pescadores e peixeiras de Lomba Tantum ofereceram uma grande quantidade de peixe que foi distribuída em quase todas as localidades da ilha, às famílias mais carenciadas, além das cestas básicas distribuídas pela câmara municipal, associações e pessoas individuais.

MC/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos