Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Covid-19: BCV promete assegurar os serviços essenciais durante o Estado de Emergência

Cidade da Praia, 30 Mar (Inforpress) – O Banco de Cabo Verde considera essencial para o sistema financeiro continuar a assegurar, durante o Estado de Emergência, os serviços como sistema de pagamentos, gestão de reservas e monetária e operações de levantamento de numerários pelos bancos comerciais.

O BCV enquadra-se ainda neste rol os serviços de processamento de pagamento a fornecedores, processamento de pagamento a pensionistas do Fundo de Garantia Automóvel (FGA), processamento de pagamento a sinistrados com processos concluídos e direito ao recebimento, no âmbito do FGA e Central de Risco de Crédito.

Para as instituições financeiras por si reguladas e supervisionadas, no concernente às actividades consideradas essenciais, o Banco de Cabo Verde considera que são essenciais os serviços contemplados nos respectivos planos de contingência e de continuidade de negócios, que cada uma destas instituições, nos termos da lei, deve manter.

Para além disso e do que já foi dito num comunicado emitido no dia 18 de do corrente, o Banco de Cabo Verde recomenda às instituições a promover mecanismos alternativos de teletrabalho ou similares, sempre que possível e ajustar o horário de atendimento ao público nas suas instalações.

Segundo a mesma fonte, como medidas durante o período de estado de emergência, em função de critérios que ajudem a evitar a propagação do coronavírus, o BCV recomenda às instituições financeiras a afixar aviso em local visível em suas instalações, bem como comunicar a clientes, pelos demais canais de atendimento disponíveis, sobre o horário de atendimento e limitação de quantidade de clientes.

Aconselha ainda o BCV aos seus clientes a disponibilizar meios alternativos, nomeadamente contactos de telefone, e-mail, homebanking ou outras soluções digitais que garantam o acesso regular às contas e saldos dos seus clientes e permitam a realização remota de operações;

Garantir o funcionamento pleno e regular dos Caixas Automáticos/ATM e terminais de pagamentos, POS, em todo o território nacional, promover a prorrogação do prazo de validade dos cartões de débito e crédito, com prazos de vencimento dentro do período de estado de emergência, caso possível, constituem outras recomendações do banco central.

O BCV recomenda ainda às instituições financeiras a informar o público em geral, qual a agência mais próxima que garantirá a prestação dos serviços aos seus clientes, em caso de eventual encerramento temporário de algumas agências e dependências.

O Banco de Cabo Verde reiterou às famílias, empresas e cidadãos em geral, que vai continuar, dentro do quadro do estado de emergência, a garantir o funcionamento das instituições financeiras do país e apela a todos à serenidade e ao cumprimento rigoroso das orientações emanadas pelas autoridades nacionais competentes relativamente ao Covid-19.

SR/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos