Corpo diplomático disponível para ajudar na organização do IV Fórum Mundial para Desenvolvimento Económico Local

 

Cidade da Praia, 04 Jul (Inforpress) – O corpo diplomático mostrou-se hoje disponível para ajudar Cabo Verde na organização do IV Fórum Mundial para Desenvolvimento Económico Local (FMDEL), a ter lugar na Cidade da Praia no próximo mês de Outubro.

A garantia foi dada pelo decano do corpo diplomático, o embaixador da Rússia em Cabo Verde, Boris Kurdyumov, na sua intervenção no encontro do Governo com as missões diplomáticas e organizações internacionais acreditados no país, e reafirmado pelo mesmo em declarações à imprensa, à margem do evento que teve lugar na capital do país.

“O corpo diplomático em Cabo Verde vai fazer tudo para apoiar este grande trabalho, de grande responsabilidade para Cabo Verde, que é receber este fórum, por isso, vamos fazer tudo para apoiar”, garantiu, sublinhando que o encontro de hoje é importante, tendo em conta que junta todos os embaixadores, como forma de fazer uma melhor coordenação dos apoios.

Por sua vez, o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, mostrou-se satisfeito com o “total interesse” demonstrado pelo corpo diplomático na realização do fórum, não só na divulgação do evento, como na participação e apoio logístico, frisando que o Governo quer que o mesmo seja um evento “marcante para um Cabo Verde com capacidade de organizar e de aumentar a sua notoriedade externa”.

Cabo Verde foi escolhido como país anfitrião e organizador do IV Fórum Mundial de Desenvolvimento Económico Local, a decorrer de 17 a 20 de Outubro de 2017, para o qual são esperados cerca de 2000 participantes, desde altas entidades a estudantes, nacionais e estrangeiros.

O fórum, um evento bianual, faz parte de um processo contínuo que visa facilitar o diálogo e promover intercâmbios sobre o Desenvolvimento Económico Local (DEL), bem como encorajar a cooperação concreta e promover acções conjuntas visando a promoção da Agenda 2030.

Cabo Verde marcou presença em todas as edições do fórum, que aconteceu pela primeira vez em 2011, em Espanha, sendo que nas duas primeiras edições (em 2013 no Brasil) participou apenas como observador, mas na terceira edição, em Itália, foi convidado a dar a sua contribuição para o debate e apresentar sua experiência sobre Políticas Inovadoras para a Promoção da Competitividade Regional.

DR/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos