Concelho da Praia: mais de 95 por cento dos professores estão colocados – Delegação do Ministério da Educação

 

Cidade da Praia, 03 Out (Inforpress) – A Delegação do Ministério da Educação da Praia garantiu hoje que mais de 95% dos professores já estão colocados, perspectivando que até ao final desta semana, todos os docentes estarão a lecionar nos seus respectivos agrupamentos.

A informação foi avançada hoje à Inforpress pelo delegado do Ministério da Educação da Praia, Adriano Moreno, explicando que já têm em mãos guias de marchas de praticamente todos os professores que faltam, mas que ainda não chegaram à capital do país por terem sido transferidos de outras ilhas.

“Neste momento já estão colocados mais de 95% dos professores”, afirmou, indicando que a maioria dos professores em falta são do ensino básico, acreditando que “até ao final desta semana todos estarão na Praia, concelho que tem 13 agrupamentos”.

Quanto aos professores da disciplina de francês e inglês, Adriano Moreno disse que já estão todos colocados, contrariamente ao que aconteceu em relação à disciplina de matemática que deparou com “alguma dificuldade”, tendo em conta que alguns professores pediram licença sem vencimento para irem estudar fora do país.

No município da Praia, são cerca de 36.200 alunos neste ano lectivo 2017/18, distribuídos por 1.200 professores, sendo quase 16.000 no ensino básico, 13.200 no ensino secundário e cerca de 7.000 matriculados no pré-escolas.

Em declarações também à Inforpress, a directora nacional da Educação, Adriana Mendonça, deu essa garantia a nível nacional, notando que a “colocação dos professores decorre a bom ritmo”, sendo que os casos com maior constrangimento têm sido nas ilhas da Boa Vista e no Sal em que muitos professores aguardam por transferências.

“Para além de haver muitos professores a pediram transferências, há também outros que solicitaram a reforma. Todos os processos estão agora a ser calculados. O processo de transferência segue um conjunto de pré-requisitos estipulados, que têm que ser analisados por uma questão de objectividade e claridade nos processos”, esclareceu.

Em todo do Cabo Verde, os dados do Ministério da Educação indicam haver 7.815 docentes para este ano lectivo, mais 218 do que no ano anterior, e 130 mil alunos, sendo 22 mil no pré-escolar, 74 mil no 1º ao 7º ano de escolaridade e 34 mil no 8º ao 12º ano de escolaridade.

DR/FP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos