Comité Olímpico Cabo-verdiano assinala Dia Internacional Olímpico com várias actividades

Cidade da Praia, 23 Jun (Inforpress) – O Comité Olímpico Cabo-verdiano (COC) assinala o Dia Olímpico Internacional, que se celebra anualmente a 23 de Junho, em cinco ilhas com mais de 20 actividades, envolvendo corrida olímpica, passagem da tocha, conversa aberta e festivais desportivos.

Segundo o COC, o dia da fundação do Comité Olímpico Internacional (COI) vai ser assinalado em parceria com várias organizações a nível nacional que se associaram à organização das actividades, designadamente Associação Cultural e Desportiva Maracanã, Associação de Atletismo de Santiago Sul e Federação Cabo-verdiana de Atletismo.

De acordo com o plano de actividades, de 21 a 25 estão previstas a realização de 19 festivais desportivos, nas ilhas de Santiago, São Vicente, Maio, Santo Antão e Fogo, abarcando modalidades como andebol, basquetebol, karaté, voleibol, xadrez, basebol, softball, futebol, atletismo, natação, remo, ginástica, canoagem, voleibol e desporto adaptado.

As actividades arrancaram esta quarta-feira, no Liceu do Chão Bom do Agrupamento II do Tarrafal, onde estiveram presentes 100 participantes, e prosseguem hoje com uma “Conversa Aberta”, coorganizada com a Associação Maracanã na capital, sob o tema “Desporto na prevenção da criminalidade”.

Vão ser oradores o atleta olímpico que representa o Sporting Clube de Portugal, Marco Fortes, o ex-campeão nacional de boxe e criador do projeto Believe, Walter Barros, e o presidente da Associação de Futebol da Achada Grande Trás, Edmilson Garcia, para debater a temática como “Fugir da delinquência através do desporto” e “Os benefícios do desporto na comunidade”

O ministro da Administração Interna, Paulo Rocha, vai presidir a cerimónia de encerramento que conta ainda com explanação do vereador da Câmara Municipal da Praia e membro da Academia Olímpica, Fernando Pinto, e da presidente do COC, Filomena Fortes.

Já para esta sexta-feira está programada a “Corrida da tocha olímpica pela paz”, co-organizada pela Federação Cabo-Verdiana de Atletismo e Associação Regional de Atletismo, prova simbólica onde atletas olímpicos e paralímpicos cabo-verdianos irão parar em vários pontos de referência da Cidade da Praia, para a passagem da tocha olímpica.

A tocha olímpica, que parte da sede do COC, na Achada Santo António, vai passar por instituições como Assembleia Nacional, sede das Nações Unidas, Embaixada da União Europeia, Palácio do Governo, Câmara Municipal da Praia, Embaixada de França e termina na Presidência da República, onde a atleta olímpica Isménia Frederico fará a entrega final do facho a José Maria Neves.

As actividades alusivas ao Dia Internacional Olímpico encerram-se no sábado, 25, no Largo Memorial Amílcar Cabral, com uma corrida direcionada para 200 crianças das diversas escolas da região da Praia, como forma de fazer passar o espírito do olimpismo aos mais jovens.

SR/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos