Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Comissão Política do PAICV escolhe Rui Semedo para cargo de presidente interino do partido

Cidade da Praia, 11 Jun ( Inforpress) – Rui Semedo vai assumir a presidência interina do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV, oposição), anunciou hoje na, Cidade da Praia, o secretário-geral do partido, Julião Varela.

Em declarações à imprensa, à margem da jornada parlamentar para a primeira sessão plenária da VIII Legislatura, marcada para segunda-feira, 14, Julião Varela informou que decisão foi tomada em reunião da Comissão Política, que depois aceitar a demissão da anterior presidente, Janira Hopffer Almada, tinha de escolher um dos três vice-presidentes.

“ A reunião foi realizada na quinta-feira, 10, e Rui Semedo foi escolhido para dirigir os destinos do partido nos próximos 180 dias, como prevê os estatutos”, comunicou.

Julião Varela adiantou ainda que o Conselho Nacional marcou para 19 de Dezembro a realização das eleições para o novo presidente do partido e para finais de Janeiro de 2022 a realização do Congresso, para eleger os restantes órgãos.

No entanto, Julião Varela garantiu que Rui Semedo vai dirigir o partido com o apoio da Comissão Política Nacional, da Comissão Permanente e do Secretariado Geral, “exercendo todas as exigências estatutárias”.

“O presidente interino vai acompanhar a fiscalização da acção governativa, participar do debate do programa do Governo e fazer a retoma normal da actividade política do partido”, acrescentou.

Por outro lado, Julião Varela adiantou que a tarefa “mais imediata” de Rui Semedo é “unir o partido” e apoiar a candidatura de José Maria Neves à presidência da República.

“O PAICV tudo irá fazer no sentido de mobilizar toda a sociedade cabo-verdiana em torno desta candidatura porque o país precisa de uma entidade que esteja acima de qualquer outros interesses”, garantiu o secretário-geral do maior partido da oposição.

Janira Hopffer Almada pediu a demissão da presidência aos órgãos do partido em consequência do resultado das legislativas de 18 de Abril que ditaram a vitória ao Movimento para a Democracia (MpD).

OM/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos