Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Classificação de Cabo Verde como mais livre da África é estimulo para o país ambicionar mais – PR

Cidade da Praia, 17 Jan (Inforpress) – O Presidente da República (PR), Jorge Carlos Fonseca, considerou hoje que a classificação de Cabo Verde como mais livre de África pela Freedom House é “um estímulo para o país ambicionar mais”.

“É uma boa notícia ainda que não seja totalmente surpresa e o facto de haver repetições de notícias como primeira democracia em África, de país mais livre só nos estimula para trabalharmos para ser mais livres e mais democráticos, construindo uma democracia cada vez mais consolidada e ter uma ambição imensa”, declarou Jorge Carlos Fonseca.

O chefe de Estado, que falava aos jornalistas depois de presidir a cerimonia de abertura do III congresso internacional da Ordem dos Médicos Cabo-verdianos (OMC) e VIII congresso médico nacional, que decorre na Cidade da Praia, sob o lema “Um legado, novas oportunidades”, salientou que em matéria de liberdade e democracia o país quer não apenas ser melhor em África, mas ser melhor no mundo.

“É claro que há muita coisa por fazer, mas também trabalharmos para em outros sectores como a saúde, educação, a justiça, o bem-estar das pessoas, o progresso económico, também estarmos entre os melhores”, augurou, salientando que os défices em outras áreas não devem minimizar ou relativizar a importância do país ter uma boa performance em matéria de liberdade e democracia.

De acordo o relatório intitulado “Liberdades no mundo 2018”, da Freedom House, divulgado terça-feira, a democracia atingiu em 2017 o pior nível em 12 anos com autocracias consolidadas, democracias sitiadas e retirada dos Estados Unidos do papel de líder na luta global pela liberdade humana.

Dos 195 países avaliados, neste estudo 88 foram classificados como livres, 58 como parcialmente livres e 49 não livres.

Cabo Verde foi considerado o país mais livre de África, liderando um grupo onde estão a Tunísia, o Senegal, o Botsuana, a África do Sul, o Togo, o Gana, São Tomé e Príncipe e Ilhas Maurícias.

MJB/CP

Inforpress/fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos