Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Câmara Municipal dos Mosteiros entrega casas a famílias de baixa renda de cinco localidades do concelho

Cidade da Praia, 05 Jul (Inforpress) – A Câmara Municipal dos Mosteiros faz esta segunda-feira a entrega de sete moradias reabilitadas a sete famílias de baixa renda no município, iniciativa no quadro do programa de Habitação Condigna da edilidade.

De acordo com uma nota enviada pela autarquia, ao todo, são sete moradias reabilitadas de cinco localidades do concelho, com o custo médio de 600 contos, contemplando a realização de trabalhos de colocação de laje, reboco, construção ou reabilitação de casas de banho e ligação às redes públicas de electricidade e de água.

Em declarações à Inforpress, o presidente da Câmara Municipal dos Mosteiros, Fábio Vieira, disse tratar-se de um acto com muito significado, não só para a edilidade, mas também para os beneficiados, que terão a partir de agora melhores condições habitacionais.

“Tem um significado enorme para a câmara, tendo em conta a reabilitação de habitações de famílias carenciadas, e a nossa missão, enquanto autarcas, é trabalhar para melhorar as condições habitacionais de famílias a nível do município”, afiançou.

Segundo frisou, são intervenções com recursos da câmara municipal, que se enquadram num programa maior, não só de reabilitação, mas também de construção de moradias.

“O acto acontece no quadro de implementação do programa de habitação condigna que é a Nha casa, Nha grandeza, uma forma de melhorar a vida dos munícipes”, sublinhou Fábio Vieira.

As famílias contempladas são das localidades de Relvas (duas), Pai António (duas), Mosteiros Trás (uma), Rocha Fora (uma) e Ribeira do Ilhéu (uma).

A par das moradias, a Câmara Municipal dos Mosteiros vai proceder à entrega simbólica de casas de banho a outras cinco famílias de diferentes localidades.

Considerando a situação pandêmica no país, a edilidade decidiu pela não realização de outros eventos, que impliquem a aglomeração de pessoas.

HR/JMV
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos