Câmara do Maio promete entregar campo relvado de treino da vila do Barreiro até final deste mês

Porto Inglês, 15 Nov (Inforpress) – O presidente da Câmara Municipal do Maio garantiu que vai entregar aos desportistas da vila do Barreiro o campo relvado de treino até final do corrente mês para possibilitar a equipa local realizar os seus treinos.

Conforme Miguel Rosa, as obras do campo relvado de treino já se encontram na recta final, visto que o relvado já está colocado, faltando neste momento a conclusão da vedação da referida infra-estrutura desportiva.

O campo de treino relvado vai servir tanto a equipa do Barreirense, mas também as das zonas circundantes como os clubes Figueirense e Mira-Mar.

Em relação ao segundo campo relvado para treinos, o da vila da Calheta, Miguel Rosa avançou que os trabalhos já foram retomados e que neste momento se está a trabalhar no piso para que de seguida seja colocado o relvado sintético, que “já se encontra na ilha”, assim como restantes materiais para a vedação do espaço circundante.

Por isso, avançou que no início do próximo ano a autarquia estará em condições de entregar a infra-estrutura aos desportistas daquela vila e clubes das restantes zonas centro/norte da ilha.

Miguel Rosa informou ainda que referente ao estádio municipal os trabalhos decorrem a “bom ritmo”, pelo que a câmara perspectiva concluir os trabalhos no próximo mês de Dezembro, por forma a possibilitar o arranque da época futebolística, prevista para o mês de janeiro, “sem nenhum constrangimento”.

Aquando da sua visita à ilha, o ministro de Desporto, Carlos Monteiro, aproveitou o momento para visitar as infraestruturas que se encontram em obras e considerou que “é um grande investimento” da Câmara Municipal do Maio e que vai servir de exemplo para as outras câmaras, por ser feito com “recursos interno”.

Explicou que os dois campos relvados de treino vão ter a dimensão exigida para a realização das provas oficiais, pelo que enfatizou estarem em condições de no futuro virem a receber bancadas e receberem provas oficiais, o que considerou ser o modelo que se quer para o desenvolvimento do futebol no País.

Com a entrada em funcionamento das referidas infraestruturas, o edil disse esperar “mais atractividade” para a prática de futebol feminino, bem como para escolas de iniciação ao futebol, além de incentivar a prática de outras modalidades desportivas e físicas.

“A câmara está de parabéns pelo trabalho que está a fazer em prol do desporto e do futebol, em particular, na ilha e temos toda abertura do Governo em apoiar a autarquia nas fases seguintes, que vão ser realizadas nos dois campos relvados de treino“, finalizou Miguel Rosa.

WN/AA

Inforpress/Fim

 

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos