Câmara de Santa Cruz e CVCV estabelecem parcerias para desenvolvimento de programas em vários domínios

Pedra Badejo, 02 Jun (Inforpress) – A Câmara Municipal de Santa Cruz e Cruz Vermelha de Cabo Verde (CVCV) assinaram hoje um protocolo para o desenvolvimento de programas nos domínios da terceira idade, juventude, crianças, ambiente, proteção social e cultural.

Em declarações à Inforpress, após a assinatura do protocolo, o presidente da CVCV, Arlindo Carvalho, reconheceu que esta parceria aconteceu “em bom momento” porque o mundo está a enfrentar uma pandemia, trazendo problemas a nível das estruturas, instituições, pessoas e famílias.

“Este protocolo resulta de uma prática de relacionamento entre a Câmara Municipal de Santa Cruz e a Cruz Vermelha de Cabo Verde, através do conselho local e tem como finalidade dar um cunho formal à nossa relação”, declarou.

Com isso, as duas entidades passam a identificar áreas de intervenção comum e responsabilidade das partes.

“A Cruz Vermelha quer, em parceria com a Câmara Municipal de Santa Cruz, apoiar na resolução de um conjunto de problemas que afectam a comunidade”, assegurou, manifestando a intenção de ser um parceiro mais interventivo no desenvolvimento do concelho.

Para o presidente da Câmara Municipal de Santa Cruz, Carlos Silva, esta parceria é “bom, mas o desafio é alcançar o muito bom”.

“Este protocolo tem grande importância e já era altura de formalizarmos e desenvolver planos de acção, permitindo muito mais frutos”, reconheceu.

De acordo com Carlos Silva, este protocolo é transversal dentro de aquilo que são as competências da CVCV e edilidade, abarcando várias áreas.

“É um protocolo abrangente que vai dar respostas às demandas”, constatou o autarca, admitindo que na actualidade é preciso adaptar-se às constantes mudanças.

O executivo camarário daquele município do interior de Santiago assegurou que Cruz Vermelha é um parceiro estratégico.

Sendo assim, anunciou que o município está a mobilizar parcerias nacionais e internacionais para aquisição de equipamentos para escolas e instituições de saúde, acção que a CVCV pode dar seu contributo já que tem antenas por todos os países.

WM/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos