Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Caixa Económica reactiva a bonificação sobre juros dos professores de Santa Cruz (c/áudio)

Cidade da Praia, 13 Out (Inforpress) – A Caixa Económica de Cabo Verde confirmou hoje a reactivação da bonificação sobre juros dos professores de Santa Cruz, apontando como causa da suspensão o processo de revisão das regras e critério do crédito bonificado.

A informação foi avançada à Inforpress, pelo presidente da Comissão Executiva da Caixa Económica, António Moreira, explicando que o problema já foi resolvido a esses professores e a situação normalizada.

Segundo disse, está em curso um processo de revisão das regras e critérios do crédito bonificado e anualmente os mutuários devem provar que ainda são elegíveis à bonificação, ou seja, têm que entregar um conjunto de documentos, nomeadamente a declaração de rendimento, composição do agregado familiar e se os documentos não forem entregues no prazo estipulado a bonificação é recusada.

“A esses clientes, os pedidos foram recusados ou porque, entregaram os documentos fora do prazo ou a documentação não estava completa”, avançou.

Informou que, entretanto, houve uma reapreciação em Agosto e esses clientes foram reenquadrados novamente, o que implicou a necessidade de se fazer a correcção, activar a bonificação e corrigir a anulação que tinha sido feita.

“Mas isto exige algum desenvolvimento, há um conjunto de procedimentos e regras que estão sendo definidos e implementados para que as coisas voltem à normalidade”, disse.

António Moreira sublinhou que tudo ficou resolvido na última terça-feira, 12, sendo que para os professores a bonificação voltou a ser activada, o que significa que a prestação que vence a partir de hoje, vem com a bonificação, salientando ainda que já foi feito o cálculo e a reposição da diferença das prestações entre os meses de Junho e Outubro.

Recorde-se que um grupo de professores em Santa Cruz manifestou esta terça-feira o seu descontentamento com a suspensão da bonificação sobre juros por parte da Caixa Económica e pediu a resolução do problema que se arrastava há quatro meses.

O porta-voz do grupo, que se deslocou à sede da Caixa Económica, em Chã d´Areia, Alberto Sanches, explicou que a situação atinge 15 pessoas, que adquiriram um crédito de habitação e lhes foram suspensos os juros bonificados a que tinham direito.  

Segundo Alberto Sanches tudo estava bem até ao mês de Junho mas, a partir daí, foram feitos descontos sem a bonificação e recorreram à agência da entidade em Santa Cruz, que os informou que a situação seria resolvida. 

HR/HF

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos