Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Cabo Verde vai ratificar acordo de participação no capital do Afreximbank – ministro Finanças

Cidade da Praia, 04 Abr (Inforpress) – Cabo Verde vai ratificar o acordo de participação no capital do Banco Africano de Importação e Exportação – Afreximbank, insituição financeira Panafricana da qual faz parte.

O anúncio foi feito hoje pelo ministro das Finanças, Olavo Correia, na abertura do Workshop sobre os “Mecanismos e Oportunidades de Financiamento/investimento para o Sector Privado Cabo-verdiano” promovido pela Cabo Verde TradeInvest, no âmbito da missão do Afreximbank a Cabo Verde.

“Quero aqui reafirmar ao senhor vice-presidente em como nós vamos ratificar o acordo de participação no capital. Estamos interessados enquanto Governo em acompanhar o aumento do capital dessa instituição e nós queremos continuar a ser parte do Afreximbank”, sublinhou o ministro.

Olavo Correia disse ainda que Cabo Verde quer domiciliar um conjunto de eventos que a Afreximbank realiza à escala global. Para já, adiantou que está acordado que ainda este ano a ilha do Sal receberá um evento de âmbito internacional.

“Estamos disponíveis para domiciliar vários outros eventos que podemos organizar em conjunto e em benefício da Afreximbank, mas também da projecção da imagem externa de Cabo Verde no mundo”, disse.

O titular da pasta das finanças explicou que com este evento de hoje pretendem realçar a parceria público privado e falou de um Estado facilitador e que aposta cada vez mais na melhoria do ambiente de negócios.

“Queremos a abertura do mercado cabo-verdiano ao mundo e essa abertura não é apenas para os bens e serviços. Nós estamos a apostar na mobilização de capitais para que os empresários que têm bons projectos tenham capacidade, experiência de gestão e buscam capital possam obter financiamento nos mercados internacionais”, disse.

Olavo Correia acrescentou que o Governo está interessado que essa instituição financiera financie a economia cabo-verdiana e de forma particular o sector privado.

À semelhança do que fez com o Banco Europeu de Investimentos (BEI), cuja missao esteve recentemente em cabo Verde, Olavo Correia pediu o direcionamento dos financiamentos para o sector do turismo, salientando que financiar o sector do turismo é financiar a economia cabo-verdiana no seu todo.

O Banco Africano de Importação e Exportação – Afreximbank foi estabelecido em Abuja,  Nigéria, em 1993, por governos africanos, investidores privados e instituições financeiras africanas e não-africanas, com o objectivo de financiar, promover e expandir o comércio intra-africano e extra-africano.

MJB/FP

Inforpress/fim

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos