Cabo Verde sobe dois lugares no Índice de Desenvolvimento das TIC e é quarto a nível de África

 

Cidade da Praia, 18 Abr (Inforpress) – Cabo Verde subiu duas posições no Índice de Desenvolvimento das Tecnologias de Informação e Comunicação (IDI) da União Internacional das Telecomunicações (UIT) e a nível da África ficou colocado em quarto lugar.

A informação é avançada pelo Núcleo Operacional para a Sociedade de Informação (NOSI), que cita o “Relatório da Sociedade da Informação 2016”, do Departamento de Desenvolvimento das Telecomunicações da UIT.

De acordo com o documento a que a Inforpress teve acesso, Cabo Verde subiu de 4.23 para 4.60 pontos passando do lugar 99 em 2015 para 97º em 2016, num rol de 15 países avaliados.

O arquipélago ocupa quarto lugar a nível do continente africano, atrás das Ilhas Maurícias, Seychelles e África do Sul e a nível da sub-região, África ocidental, ficou colocado em primeiro lugar.

O IDI obtido por Cabo Verde, segundo o NOSI, é resultado da média de três sub-índices: as infra-estruturas e acesso (com o peso de 40%), em que o país obteve o índice de 5.02; intensidade do uso das TIC (peso de 40%), com 4.03 (uma evolução positiva de 11 posições em relação a 2015 que ocupava 88ª e índice de 3.24) e o sub-índice capacitação dos utilizadores (peso de 20%), em que o índice obtido foi de 4.89.

O IDI é um índice composto que combina 11 indicadores numa medida de referência que pode ser utilizada para monitorizar e comparar a evolução das TIC entre os países e ao longo do tempo.

De entre esses indicadores estão assinaturas de telefonia fixa, subscrições telefónicas móveis, ligação à Internet, assinaturas de banda larga fixa e de banda larga móvel activa entre outros.

O “ranking” é liderado pela República da Coreia (Coreia do Sul) com o índice de 8.84 e na cauda da tabela está o Níger 1.07.

MJB/CP

Inforpress/fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos