Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Cabo Verde e Canárias propõem trabalho conjunto com vista a alcançar os ODS contra as mudanças climáticas

Cidade da Praia, 29 Nov (Inforpress) – Os Governos de Cabo Verde e das Canárias propõem trabalho conjunto com vista a alcançar os Objectivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) agenda 2030 contra as mudanças climáticas, dada as características territoriais e geográficas partilhadas por ambos os territórios.

Este é um dos pontos do comunicado final da VI reunião de alto nível entre os dois governos, realizada esta segunda-feira, em Las Palmas, co-presidida pelo primeiro-ministro de Cabo Verde, Ulisses Correia e Silva e pelo Presidente das Canárias, Ángel Victor Torres Pérez

O documento realça que o Governo das Canárias trabalha há vários anos no processo de implementação da Agenda 2030, com uma abordagem participativa que permitiu a concepção de objectivos regionais específicos para os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e cujo trabalho tem sido reconhecido pela ONU como um exemplo de boas práticas de desenvolvimento sustentável.

“Dado as semelhanças entre os dois arquipélagos, Cabo Verde mostrou interesse no trabalho realizado para estudar como trabalhar de forma coordenada numa Agenda Macaronésia para o Desenvolvimento Sustentável”, refere o documento enviado à Inforpress.

De acordo com a mesma fonte, o Governo das Canárias aposta na descarbonização das ilhas até 2040, na promoção do automóvel elétrico e na ajuda à democratização do autoconsumo de energia.

O objectivo é cumprir cinco grandes metas, nomeadamente a redução das emissões de gases com efeito de estufa e ser neutro em termos de emissões até 2040, reduzir o consumo de combustíveis fósseis, abertura de um novo modelo energético que ponha fim aos monopólios, e adopção de medidas para mitigar os efeitos das alterações climáticas nas ilhas e alcançar uma governança climática.

Cabo Verde, por sua vez, traçou a meta de descarbonizar a sua economia até 2050, apostando fortemente em fontes de energias renováveis.

O Presidente das Canárias põe à disposição de Cabo Verde a experiência das Ilhas Canárias neste domínio para que as Ilhas Macaronésias possam tornar-se numa referência na luta contra as mudanças climáticas.

A reunião de alto nível entre Cabo Verde e Canárias demonstrou a continuidade das acções iniciadas, mas também o quadro ideal para demonstrar novas abordagens e novas linhas de acção.

O encontro serviu também para analisar o estado das relações entre os dois arquipélagos, o nível alcançado nestas relações e manifestaram a sua total disponibilidade e confiança em que estas relações possam ser alargadas e melhoradas no âmbito de um modelo de cooperação que contribua para alcançar o desenvolvimento humano sustentável tanto em Cabo verde como nas ilhas Canárias.

O comunicado realça ainda que a reunião aconteceu num contexto único caracterizado por três momentos importantes designadamente a aprovação do novo quadro financeiro da União Europeia para o período 2021- 2027, a assinatura da cooperação avançada entre Espanha e Cabo Verde 2021- 2030 (em Dezembro) e um contexto global pós-pandémico que transformou a situação socioeconómica de ambos os territórios, revelando novos desafios.

A próxima reunião com data ainda a indicar será realizada em Cabo Verde.
MJB/JMV
Inforpress/fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos