Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Cabo Verde com estação chuvosa “deficitária a próxima da média” entre Julho e Setembro, disse governante

Cidade da Praia, 12 Jul (Inforpress) – O secretário de Estado da Economia Agrária anunciou hoje que os resultados da previsão sazonal para Cabo Verde no ano 2021 sugerem início da estação chuvosa “deficitária a próxima da médio” no trimestre Julho, Agosto e Setembro.

A informação foi avançada hoje, na conferência de imprensa concedida pelo secretário de Estado da Economia Agrária, Miguel da Moura, quando falava da preparação da campanha agrícola para o período 2021/2022 e os projectos previstos para dar vazão a problemas com água no País.

Na sua comunicação, Miguel da Moura esclareceu ainda que no trimestre Agosto/Setembro/Outubro a estação de chuvas que se inicia apresenta a tendência considerada dentro da média, isto é, 294 milímetros.

“Estas tendências indicam a probabilidade de ocorrência de dois cenários para o ano agrícola 2021-2022: um ano com chuvas deficitárias e próximas da média anual e um ano com chuvas dentro da média anual”, disse, sublinhando que perante este cenário o Ministério da Agricultura e Ambiente (MAA) vai priorizar acções que visam proteger a campanha agrícola 2021/2022 e contribuir para reforçar a resiliência das populações, permitindo assim a adaptação do sector aos efeitos das mudanças climáticas.

Neste âmbito, elencou uma série de projectos já delineados pelo Governo, que visa o aumento de água para o consumo no meio rural com a instalação de uma dessalinizadora de 1.200 metros de água/dia na Ribeira da Barca e Santa Catarina, enquanto que para Tarrafal de Santiago será lançado um concurso para a aquisição e instalação de uma dessalinizadora de 800 metros cúbicos de água/dia.

Referiu-se ainda sobre projectos para a melhoria das condições de abastecimento de água para as populações na zona norte da ilha da Boa Vista, com a instalação de um sistema de produção e distribuição de água dessalinizada e conclusão do processo de constituição e instalação das empresas intermunicipais de água e saneamento “Água de Santo Antão” e de “Água de São Nicolau”.

Avançou ainda que será levado a cabo um projecto de instalação da dessalinizadora na localidade de Ferreiros, para abastecer a ilha da Brava, conclusão do projecto de abastecimento de água nos concelhos de São Domingos e São Lourenço dos Órgãos (Santiago), a partir do reforço de produção com nova dessalinizadora do Palmarejo, na Cidade da Praia.

Ainda segundo Miguel da Moura, o MAA está a acelerar a implementação do maior programa de mobilização de água para a agricultura em Cabo Verde, priorizando a dessalinização da água salobra e água do mar, no montante de 35 milhões de euros e tratamento e reuso de água tratada, a partir das Estações de Tratamento de Água Residual de Santiago, São Vicente, Maio e Boa Vista.

Consta ainda das acções levadas a cabo pelo Governo, segundo disse, adquirir equipamentos de perto de 60 furos que serão alimentados com sistemas fotovoltaicos e consolidação do Programa de Subvenção Irrigação gota-a-gota no montante de 120.000.000 escudos para 1.450 beneficiários/para aumentar a área irrigada em 360 hectares.

No sector da água, sublinhou, consta da acção do Governo, a consolidação dos projectos hidroagrícolas a partir de quatro barragens (Faveta, Figueira Gorda, Saquinho e Principal), no montante de 238.007.261 escudos para a criação de 170 hectares de novas áreas irrigadas, assim como a conclusão de Projectos Hidroagrícolas para a zona sul de São Filipe (Fogo), Lomba/Tantum (Brava), Planalto Norte (Santo Antão), Fajã de Baixo/Fajã de Cima/Queimadas, Praia Branca (São Nicolau) e João Varela (Santiago).

Estes projectos, segundo o secretário de Estado da Economia Agrária, visam garantir a disponibilidade de água potável às populações nas zonas rurais e reforçar a mobilização da água para o abastecimento das populações a nível nacional.

PC/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos