Brexit: Rejeitada emenda do líder trabalhista, Jeremy Corbyn

Londres, 29 Jan (Inforpress) – A emenda do líder da oposição, o trabalhista Jeremy Corbyn, ao acordo de saída do Reino Unido da União Europeia (‘Brexit’) foi hoje rejeitada pela Câmara dos Comuns, com 296 votos a favor e 327 contra.

A emenda trabalhista submetida a votação previa que os deputados pudessem votar sobre outras opções de ‘Brexit’.

Esta foi a primeira das emendas aos planos do Governo britânico que o parlamento vai votar hoje para tentar sair do impasse criado pelo chumbo do Acordo de saída negociado com Bruxelas, rejeitado por uma margem de 230 votos a 15 de Janeiro.

Contudo, não se trata da repetição do ‘voto significativo’ ao documento, que inclui uma declaração política sobre a relação futura entre as duas partes, mas um debate e uma consulta no parlamento sobre o chamado ‘plano B’.

Nem todas as emendas vão ser votadas, pois o líder da Câmara dos Comuns só selecciona algumas, representativas das diferentes sensibilidades e opções, nem são vinculativas, mas uma proposta aprovada por uma maioria de votos num parlamento polarizado pelo ‘Brexit’ pode determinar o curso do processo.

Lusa/fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos