Brevemente serão inauguradas as obras de requalificação da asfaltagem da cidade de São Filipe – MpD

Cidade da Praia, 21 Nov (Inforpress) – O coordenador da Comissão Política Concelhia de São Filipe, Felipe Santos, afirmou hoje, na Praia, que as obras de requalificação da asfaltagem da cidade de São Filipe estão muito avançadas, pelo que provavelmente ainda esse ano serão inauguradas.

“Brevemente serão inauguradas as obras, não temos uma data concreta, mas a obra está muito avançada, provavelmente será esse ano”, precisou o também deputado nacional para o círculo do Fogo – MpD, Filipe Santos, em conferência de imprensa realizada para posicionar sobre o comunicado feito pelo presidente da Câmara Municipal de São Filipe, no dia 18 de Novembro, tendo ameaçado o embargo da obra da asfaltagem da cidade de São Filipe.

Felipe Santos esclareceu que, neste momento, decorre, na subida que dá acesso ao bairro de Santa Filomena, a execução de um canal de drenagem das águas pluviais, de forma a dar continuidade ao canal existente, reabilitado no âmbito da empreitada.

“Como método construtivo para a concretização do mesmo, a empresa responsável pela empreitada usou uma estrutura modelar em aço (tambores), como forma de cofragem perdida, envolvida em betão, em todo o seu desenvolvimento, garantido a secção útil e indispensável para o escoamento da água nessa vala de drenagem, de apenas 10 metros, que estão incluídas na asfaltagem e requalificação de 7 km de ruas da cidade de S. Filipe”, precisou o deputado.

Face ao “alarido” criado à volta dessa questão, prosseguiu o mesmo, foram recolhidos vários pareceres técnicos, junto de vários escritórios de engenharia civil do País, que confirmam que o uso desse material para este fim é uma solução “funcional e sustentável”.

“Segundo a empresa construtora do projecto, a não criação dessa alternativa para a modelagem da vala de drenagem poderia fazer com que a obra em causa tivesse de ser suspensa por 6 ou mais meses, tendo em conta a escassez dos materiais normalmente usados para esse fim no mercado nacional, por questões de logística”, completou Felipe Santos.

Sendo assim, frisou, estranha-se a posição do presidente da Câmara Municipal de São Filipe, Nuias Silva, que “precipitadamente, sem se preocupar em se informar” junto da empresa construtora, ameaça o embargo da obra.

“Estranhamos a posição do presidente da Câmara Municipal de São Filipe, senhor Nuias Silva, que precipitadamente, sem se preocupar em se informar junto da empresa construtora, se baseia no amadorismo e no desconhecimento de assuntos técnicos, que lhe ultrapassam, para criar episódios do alarmismo social, com um único propósito de tirar dividendos políticos, convocando a imprensa para dar uma conferência, ameaçando embargar a obra, usando de expressões menos cordiais e de desrespeito institucional, dizendo que o governo faz “tchacota” com a ilha do Fogo”, posicionou o deputado nacional.

Por isso, enfatizou, o MpD que está no poder espera que ele não venha participar no acto de inauguração da requalificação e asfaltagem da cidade de S. Filipe, um investimento de 250 mil contos, financiado pelo Governo, no âmbito do PRRA (Programa de Requalificação, Reabilitação e Acessibilidades).

“Também deveria escusar-se de participar na inauguração de outra obra em execução, que é a requalificação do Centro Histórico de S. Filipe, no valor de 98 mil contos, financiado pelo Governo”, assinalou Felipe Santos.

Avançou ainda que já está por concluir dois anos de mandato de Nuias Silva, sem que o mesmo tenha inaugurado nenhuma obra “substancial”, ficando apenas pela conversa e promoção pessoal nos órgãos de comunicação social e nas redes sociais da edilidade.

TC/ZS

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos