Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Brava: Utentes beneficiam de atendimento fisioterapêutico particular

Nova Sintra, 22 Ago (Inforpress) – A Delegacia de Saúde da Brava vai ministrar durante três semanas consultas e atendimento fisioterapêutico, uma parceria entre a mesma entidade e uma fisioterapeuta bravense que se encontra na ilha de férias.

A informação foi avançada à Inforpress pelo delegado de saúde da ilha, Júlio Barros, explicando que esta é uma forma de “diminuir a lista de espera” de pacientes inscritos para fazerem consultas ou sessões de fisioterapia na ilha do Fogo ou na Praia.

As consultas e o atendimento iniciarão esta segunda-feira, 23, até o próximo dia 12 de Setembro e a lista de inscrição, mesmo que os utentes não beneficiem dos descontos do Instituto Nacional de Previdência Social (INPS), já conta com mais de 70 inscritos.

“A fisioterapeuta é uma bravense e sabe das dificuldades da ilha e as consequências que a inexistência de um especialista nesta ilha causa às famílias e as pacientes que têm de se deslocar e permanecer dias ou mês fora de casa para se submeter e realizar o tratamento”, explicou o médico.

Quanto aos descontos do INPS, a mesma fonte esclareceu que a médica trabalha numa clínica particular na cidade da Praia, e que não possui o carimbo que lhe permite administrar consultas aos beneficiários do INPS, mas que está em negociação com a entidade patronal para ver a possibilidade de incluir os pacientes neste pacote.

O espaço na delegacia já se encontra preparado e o local permite ao fisioterapeuta atender três pacientes ao mesmo tempo.

Com o anúncio deste serviço mesmo por poucos dias os bravenses demonstraram uma “grande satisfação”, uma vez que nunca tiveram esta oportunidade na ilha, e deslocar à cidade da Praia ou à ilha do Fogo para realizar estas sessões implica ficar fora de casa no mínimo 22 a 30 dias, sem apontar os outros constrangimentos.

MC/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos