Brava: Tribunal decreta prisão preventiva para acusado de crime de abuso sexual de menor

Nova Sintra, 08 Jun (Inforpress) – O Tribunal da Comarca da Brava aplicou, como medida de coacção, prisão preventiva a um indivíduo do sexo masculino, residente em Furna, suspeito da prática de crime de abuso sexual de criança.

Esta informação foi avançada à Inforpress por uma fonte judicial, explicando que o Ministério Público emitiu na terça-feira, 07, um mandado de detenção fora de flagrante delito e na mesma tarde foi apresentado ao primeiro interrogatório judicial para a aplicação de medidas de coacção.

Segundo a mesma fonte, o indivíduo tem 52 anos e a vítima 9 anos.

O agressor encontra-se neste momento detido na Esquadra Policial da Brava, mas vai ser conduzido à cadeia civil da ilha do Fogo.

A secretária de Estado da Inclusão Social, Lídia Lima, esteve de visita terça-feira à ilha Brava e na entrevista de balanço reconheceu a necessidade de se “fazer mais” em matéria da agressão sexual na ilha, com foco nas questões emocionais das famílias.

MC/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos