Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Brava: Moradores de Nossa Senhora do Monte pedem fiscalização contra descarte do lixo nas ruas

Nova Sintra, 01 Mar (Inforpress) – Os moradores da freguesia de Nossa Senhora do Monte solicitam o apoio da Câmara Municipal para colocar um fiscal na Vila, à semelhança de outras localidades, para fazer o “controlo” do lixo e evitar ruas sujas.

A solicitação foi feita em declarações à Inforpress pelo porta-voz de um grupo organizado na freguesia, Joaquim Gonçalves, realçando que já realizaram uma primeira acção de campanha de limpeza e pretendem abranger outras localidades circundantes.

Conforme explicou, o grupo que iniciou esta campanha para uma “Brava mais limpa” é constituída por 20 homens e algumas mulheres, apontando que solicitaram apoio ao deputado para o círculo da Brava, Clóvis Silva, que além de apoiá-los com materiais e equipamentos participou na campanha.

Acção esta que o deputado considerou como sendo “muito importante”, pois conforme acentuou, é uma forma de demonstrar que os moradores estão preocupados com a preservação do meio ambiente.

Sobre a sua participação, Clóvis Silva considerou que enquanto titular de cargo político, a sua participação é uma acção que “incentiva boas práticas”, demonstrando-se disponível em participar sempre que necessário.

Além de sugerir a presença de um fiscal na freguesia, o porta-voz do grupo pede à população para contribuir nestas situações, não deixando o lixo na rua ou fora dos contentores, como uma forma de manter a vila mais limpa para o bem da comunidade e de todos que passam por aí.

“Se cada um fizer a sua parte não teremos grandes volume de lixos amontoados e nem ruas sujas. Cada morador deve guardar o seu lixo e colocá-lo nos contentores como manda a regra, mas se estes estiverem cheios, devem aguardar o dia da recolha do lixo”, disse o morador, acrescentando que o serviço de saneamento da câmara também deve cumprir com o calendário de recolha.

Questionado sobre a colocação de fiscal na freguesia, o presidente da Câmara Municipal da Brava, Francisco Tavares, que aplaudiu a iniciativa, explicou que depende de vários factores, enfatizando que Nossa Senhora do Monte já é uma Vila, pelo que não necessita de tal figura para se obter o resultado pretendido.

“Espero que com esta campanha os moradores e visitantes ganhem a consciência de que não devem sujar e contribuir para que outros não o façam”, concluiu o edil.

MC/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos