Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Brava: Membros da Fundação Ministério Vida distribuem cestas básicas e kits escolares aos mais carenciados (c/áudio)

Nova Sintra, 26 Set (Inforpress)  – Membros da Fundação Ministério Vida encontram-se na ilha Brava a distribuir materiais, kits escolares e cestas básicas aos mais carenciados e a mostrá-los que “a salvação não é a religião, mas sim Cristo”.  

O pastor da igreja do Nazareno na ilha Roberto Barbosa, instituição que é o núcleo dos contactos da fundação na Brava explicou que o grupo chegou à ilha na passada sexta-feira e vai permanecer até a próxima quarta-feira, 29, onde deve cumprir um leque de actividades, com foco em visitas às localidades mais carenciadas.

Conforme realçou, a fundação não é constituída somente por membros da Igreja Nazarena, mas de diversas religiões e de diferentes congregações nos Estados Unidos da América, onde a mesma foi fundada há 12 anos e se encontra radicada.

Na ilha Brava, Roberto Barbosa informou que já fizeram actividades na localidade de Furna, com cânticos, músicas e evangelização, assim como a distribuição de cestas básicas na localidade de Braga, entre outras zonas.

Por seu turno, António Tavares, fundador do Ministério Vida, que foi oficializado em 2006, reforçou que o objectivo é “principalmente consciencializar o povo de que a salvação é em Cristo e não através da religião”.

Daí, acentuou que não trabalham com mensagem de religião, tentando sempre chegar às pessoas carenciadas e que necessitam de apoios.

E, para chegar a essas pessoas, contou que trabalham ao lado de algumas igrejas e câmaras municipais, exemplificando que na Brava receberam uma lista de pessoas que solicitam cestas básicas à câmara e já atenderam estes pedidos.

Normalmente fazem duas ilhas juntas e desta vez além da Brava será também contemplada a ilha do Fogo.

Para a próxima pretendem chegar às ilhas do Sal e São Nicolau e de seguida, Boa Vista e Maio.  

MC/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos