Brava: Fiéis deslocam-se de todos os cantos para participar na missa e procissão em honra a Santo António

Nova Sintra, 13 Jun (Inforpress) – Fiéis de todas as localidades da ilha Brava deslocaram-se hoje à comunidade de Lém para tomar parte na missa solene e procissão em honra a Santo António, padroeiro da comunidade.

Nesta celebração participaram cristãos que trouxeram as suas bandeiras à igreja para pagar alguma promessa ou mesmo para cumprir o legado familiar e a tradição da ilha e também tamboreiros e coladeiras para “animar” e cumprir o ritual que é feito na Brava.

Essas bandeiras que vêm de outras localidades, segundo alguns festeiros, não importa a distância, mas o percurso tem de ser sempre feito a pé e chegando na localidade de Lém vão juntar-se aos festeiros da bandeira mãe que “não pode sair” da localidade.

Os rituais para esta festa iniciaram-se logo cedo, com o cortejo ao Mastro, onde dezenas de pessoas com algumas oferendas seguiram a marcha, a toca do tambor e às coladeiras para entregarem estas oferendas à pessoa que veste o Mastro e que será dado o bote por volta das 17:00.

Após a celebração eucarística, os festeiros regressam à casa com as suas bandeiras e cada festeiro oferece o tradicional almoço às pessoas que os acompanharem ou que por lá aparecerem.

MC/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos