Brava: CRE da Brava alistou mais de 170 pessoas em 2020 com destaque para jovens

Nova Sintra, 09 Ago (Inforpress) – A Comissão de Recenseamento Eleitoral da Brava (CRE – BR) anunciou já ter recenseado mais de 170 pessoas em 2020, na sua maioria jovem e algumas transferências de outras ilhas.

Juceleia Pina, operadora informática da CRE – BR, em declarações à Inforpress, avançou que, de momento, o processo de recenseamento está a decorrer bem.

Segundo a mesma, há um kit no terreno desde o passado mês de Junho, e outro na sede que funciona durante o período normal de funcionamento.

Na posse de uma lista enviada da Praia, com referência a todos os jovens que já completaram 18 anos, os recenseadores, acompanhados de uma equipa de sensibilização, “vão atrás deles”, o que tem surtido algum efeito, embora, acentuou que alguns recusam-se fazer o recenseamento.

Questionada sobre o porquê de alguma resistência, esta explicou que, normalmente, os jovens dizem que não estão a recensear-se, porque não vão votar.

E quando deparam com tais situações, a técnica adiantou que sempre têm a “preocupação” de explicar-lhes que o facto de eles recensearem-se não quer dizer que têm de votar, obrigatoriamente.

O processo de recenseamento, relembrou a técnica, é destinado aos jovens que completam os 18 anos até o final do ano corrente, mas também para os cidadãos que mudaram de zona ou de ilha.

Inclusive, sublinhou que este ano tiveram várias transferências na ilha.

Questionada até quando vão continuar com o recenseamento, a mesma fonte avançou que vai decorrer até meados de Agosto, tendo em conta que este processo deve ser feito até 65 dias antes das eleições.

Juceleia Pina continua a apelar aos jovens e às pessoas que mudaram de zona ou ilha para se recensear e exercerem a sua cidadania.

MC/DR
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos