Brava: Associação Amigos das Escolas da Brava entregou uniformes a 40 alunos da ESET

Nova Sintra, 01 Dez (Inforpress) – A Associação Amigos das Escolas da Brava, radicada nos EUA, fez hoje a entrega de 40 uniformes e máscaras a alunos da Escola Secundária Eugénio Tavares (ESET), como forma de dar “oportunidades iguais” a todos os alunos.

O fundador da associação, José Burgo, explicou que o objectivo é tentar que todos os alunos tenham as mesmas oportunidades materiais, uma vez que tem conhecimento de que muitos pais não conseguem oferecer aos filhos todos os materiais escolares necessários.

Estes materiais estão orçados em cerca de 45 mil escudos e, conforme a mesma fonte, há uma remessa de materiais que vão chegar à ilha nos próximos dias, vinda dos Estados Unidos da América, para serem entregues nas diversas escolas da ilha, consoante as necessidades de cada uma.

Segundo José Burgo, as dificuldades são várias, mas “quando há amor e boa vontade em apoiar os outros, todos os obstáculos são superados”.

Por seu turno, o director da ESET, Pascoal Fernandes, destacou a importância deste acto, realçando que a falta de materiais muitas vezes tem prejudicado muitos alunos, oriundos das famílias mais vulneráveis, dificultando a integração e a aprendizagem.

“É uma forma de não deixar ninguém para trás, permitindo que os alunos tenham condições iguais a nível de material e de equipamentos para poderem chegar ao final do ano lectivo com sucesso”, considerou este responsável.

No quesito de apoios e interajuda, Pascoal Fernandes defendeu que é preciso desmistificar a ideia de que na Brava não existem pessoas ou famílias vulneráveis somente pelo número de pessoas bravenses residentes nos Estados Unidos.

Conforme explicou, é preciso saber quantas famílias possuem relações com os seus familiares no exterior, se estes enviam remessas e com que frequência.

Agradecendo esta oportunidade que a associação está dando aos alunos, acentuou que a escola e outras associações estão a mobilizar recursos para o bem dos estudantes.

O director aproveitou para apelar aos pais e encarregados de educação a incentivarem os filhos a fazerem um bom uso dos materiais e dos apoios e que a melhor forma de agradecer é incentivando os filhos a estudarem para terem boas notas e, assim, transitarem no final do ano.

MC/HF

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos