Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Brasil acolhe em Novembro 10ª edição do Festival Internacional das Artes da Língua Portuguesa

Cidade da Praia, 04 Nov (Inforpress) – A Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) vai patrocinar a 10ª edição do Festival Internacional das Artes da Língua Portuguesa (FESTLIP-ON), que acontece entre os dias 08 e 11 de Novembro, no Rio de Janeiro, Brasil.

Nesta edição, segundo o site da CPLP, o festival aposta na temática da tecnologia e homenageia a companhia de Teatro Meridional de Portugal, que apresentará no evento uma das suas produções denominada “As Centenárias”.

A organização do evento indica que o festival vai ser transmitido em directo via internet, contando ainda, com a cobertura televisiva realizada pela TPA Internacional – rede de televisão de Angola – para um programa a ser exibido em Cabo Verde, São Tomé e Príncipe, Timor-Leste e Europa.

Ainda a organização, a programação do festival contempla uma master class de culinária, ministrada por chefes de Angola e Portugal, via streaming; uma apresentação do espetáculo “Sonoridade Poética”, dirigido por Miguel Seabra, do Teatro Meridional, que reúne, pela primeira vez, actores dos nove países que compõem a CPLP (Angola, Brasil, Cabo Verde, Guiné-Bissau, Guiné Equatorial, Moçambique, Portugal, São Tomé e Príncipe e Timor Leste).

Consta ainda do programa um espaço dedicado ao FESTLIPinho, com actividades destinadas ao público infantojuvenil; o FESTLIPSHOW, prometendo uma tarde de ritmos angolanos, com o espetáculo de voz e o violão do músico Paulo Matomina.

Durante os todos os dias do FESTLIP, o “Zazá Bistrô” receberá a mostra culinária FESTGourmet, que inclui paladares dos nove países que constitui a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, criada pela chefe Flávia Campos.

O Teatro Meridional, a ser homenageado pela FESTLIP foi fundado em 1992, e é fruto de uma nova dramaturgia com destaque na sua ligação com o universo da lusofonia, sendo que África e Brasil aparecem com frequência na concepção de seus espectáculos.

Com uma programação que ultrapassa o significado da palavra cultura, o FESTLIP-On 2018 será uma manifestação artística presencial, interactiva e virtual.

PC/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos