Boa Vista: Sustentabilidade financeira representa um dos maiores desafios das organizações desportivas da ilha – vereador

Sal Rei, 27 Jan (Inforpress) – O vereador do Desporto Abel Ramos considerou hoje que a sustentabilidade, o financiamento, representa um dos maiores desafios das organizações desportivas locais, em particular numa ilha como Boa Vista que tem défice de recursos financeiros disponíveis ao sector.

O vereador do Desporto da Câmara Municipal da Boa Vista (CMBV), Abel Ramos, fez esta consideração quando falava na abertura do Fórum de Desporto, sob o lema “Desporto sustentável para uma ilha de campeões”.

O evento, que teve início hoje, foi promovido pela edilidade para dinamizar o sector e incentivar a comunidade desportiva local para participações em provas nacionais e criação de projectos sustentáveis.

“Temos verificado que a sustentabilidade, o financiamento, representa um dos maiores desafios das organizações desportivas e em particular numa ilha com défice de recursos financeiros disponíveis para o sector, e actualmente fustigado pela pandemia da covid, que afectou e muito, o desporto”, disse.

Por isso, destacou a importância do fórum como uma oportunidade de reunião entre a classe desportiva local e os dirigentes nacionais em torno desta temática, sendo igualmente uma oportunidade para debate de temas interessantes e actuais neste domínio.

O vereador afirmou que a autarquia local acredita que investir no desporto não é somente custo e gastos, mas um investimento feito nas crianças, nos jovens que terá um retorno a médio e longo prazo tanto a nível social, económico desportivo, como de promoção e divulgação do País a nível internacional.

Na óptica do vereador, tem-se verificado investimentos feitos no desporto, principalmente na camada Juvenil, na sua formação desportiva que aliado ao factor chave de estilo de vida saudável tem fomentado e incentivado atenção e concentração das crianças, pelo que garantiu que esse tipo de iniciativa tem tido a colaboração da autarquia local com vista a incrementar a prática desportiva desde tenra idade.

Daí que apelou à colaboração no sentido de se juntar à câmara municipal para a melhoria das infra-estruturas desportivas da Boa Vista com vista a conseguir responder às demandas e solicitações quanto à utilização de espaços desportivos.

Abel Ramos afiançou que a autarquia local vai continuar engajada nesta matéria, tendo em conta que o desporto é “a melhor ferramenta” de inclusão e preparação dos jovens de forma a serem cidadãos pró-activos e capazes de contribuir para o desenvolvimento da ilha e de Cabo Verde.

Abel Ramos ressaltou o papel da Boa Vista na elevação do desporto nacional em várias modalidades, nomeadamente, na ultramaratona de 150 quilómetros “No stop”, no primeiro trail em Cabo Verde que tem prestigiado e servido como meio de promoção da imagem do país e de promoção turística da ilha, tendo em conta a participação de atletas de várias nacionalidades.

A nível dos desportos náuticos, o vereador do desporto sublinhou também a potencialidade dos atletas da ilha da Boa Vista em competições internacionais, daí que justificou o lema do fórum “Uma ilha de campeões”.

A mesma fonte espera ainda que o espaço do fórum seja dinâmico, de debates de trocas de ideias em prol do desenvolvimento do desporto nesta ilha.

O primeiro painel apresentado hoje foi “Sustentabilidade e empreendedorismo desportivo”, pelo presidente da Académica da ilha do Sal, Carlos Moniz, que falou da experiência do clube de futebol no que diz respeito ao plano estratégico de negócios, sustentabilidade dos projectos desportivos da agremiação.

O segundo painel, “Desporto adaptado, presente e futuro” esteve a cargo de José Rodrigo Bejarano, enquanto que a professora de educação física, Glenda Aguilar apresentou o tema “Educação física como trampolim para a prática de desporto”. 

VD/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos