Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Boa Vista: Problemática de evacuações de doentes deixa parlamentar do PAICV “revoltado e indignado”

Cidade da Praia, 23 Mai (Inforpress) – O deputado do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV), oposição, Walter Évora, eleito pelo círculo da Boa Vista, mostrou-se, hoje, “profundamente revoltado e indignado”, com a forma como os doentes têm sido evacuados a partir dessa ilha.

Walter Évora, que falava no Parlamento, no período antes da ordem do dia, avançou que a própria população da Boa Vista está “revoltada” com a recusa da companhia de transportadora área que opera em Cabo Verde, em transportar os doentes transferidos pelos serviços locais de saúde.

“Denuncio a forma desumana e sofrida como os doentes da Boa Vista têm sido evacuados. São levados entre a vida e a morte ao aeroporto, munidos de documentos emitidos pelas autoridades de saúde, mas são deixados em terra, abandonados à sua sorte”, avançou o parlamentar do PAICV.

Os doentes, segundo Walter Évora, têm recorrido a embarcações para ir à ilha do Sal, sendo o caso mais recente envolvendo “uma grávida em situação crítica”, que teve que ser transferida “em péssimas condições de segurança”, tendo perdido o filho.

O parlamentar da oposição revelou que a população da Boa Vista já marcou, para 26 de Maio, uma manifestação para demonstrar a sua “indignação” face à problemática de evacuações de doentes a partir da “ilha das dunas”.

Trata-se, segundo o deputado, de “uma prática recorrente” da referida transportadora que acontece, além de Boa Vista, também em outras ilhas do arquipélago, como consequência da “má decisão” do Governo de retirar os Transportes Aéreos de Cabo Verde das linhas áreas domésticas.

“É uma questão humanitária. Temos uma questão de omissão de auxilio que pode configurar crime. Por isso, pedimos às autoridades judiciais que actuem nesse sentido”, sublinhou Walter Évora, para quem “negar socorro à uma pessoa é crime”.

A deputada do Movimento para a Democracia (MpD poder), Joana Rosa, eleita pelo círculo do Maio, disse que essa ilha tem sido, também, confrontada com o problema das evacuações de doentes.
“Só Deus sabe os problemas que o Maio tem passado nesse aspecto”, avançou a parlamentar.

Nuías Silva, deputado do PAICV pelo círculo do Fogo, disse, também, que essa região passa pela mesma situação, que urge a intervenção do Governo.

O Governo, segundo o ministro pelos Assuntos Parlamentares, Elísio Freire, está a criar as condições para resolver, “de forma estruturada”, o problema de evacuações em Cabo Verde, com a aquisição de um avião “no quadro da protecção civil”.

“A situação é lamentável e grave. É um problema que o Governou herdou, com custo elevados”, admitiu o representante do Executivo, reafirmando a decisão de se avançar para aquisição de avião no âmbito do Serviço Nacional da Protecção Civil (SNPC) que passará a efectuar as evacuações.

JM/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos