Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Boa Vista: primeiro Selo de Conformidade para uma instituição pública de saúde atribuído ao Centro de Saúde da ilha (c/áudio)

Sal Rei, 18 Nov (Inforpress) – O Centro de Saúde da Boa Vista recebeu o Selo de Conformidade, primeiro atribuído a uma instituição pública de saúde a nível nacional, após vistoria dum grupo de instituições que submeteu o estabelecimento à fiscalização sanitária.

A fiscalização foi feita na ilha por um conjunto de entidades que constitui equipa multidisciplinar (ERIS, IGAE, Proteção Civil, IGT, e Policia Nacional) que tem vindo a fazer acção de sensibilização e vistoria em estabelecimentos de atendimento público, instituições, empresas e prestadores de serviço, visando averiguar o funcionamento em conformidade com as normas, condições e procedimentos de segurança sanitária e demais medidas específicas para cada actividade.

“Neste momento, posso dizer que isto é uma confirmação de todo o trabalho que está a ser desenvolvido em todos estes meses, e quiçá anos, teve um efeito positivo para a estrutural e para o atendimento”, disse a delegada de Saúde, Liliane Hungria, quando falava à comunicação social sobre esta atribuição.

Para a responsável, “esta certificação veio confirmar que a estrutura de saúde já tem uma certa qualidade”, pelo que ao seu ver, “transmite confiança e segurança para os utentes que estarão informados destes requisitos, de um atendimento seguro, limpo e de qualidade”.

Por isso, Liliane Hungria entende que o Selo de Conformidade “concede maior responsabilidade de manter este patamar e melhorar cada vez onde tem que ser aperfeiçoado”.

O Selo de Conformidade é mais uma medida para promover o grau de apropriação às normas e medidas no âmbito da contenção da covid-19, pelos quais os estabelecimentos são também submetidos à fiscalização.

Destaca-se entre outras medidas, o distanciamento social e físico dentro das estruturas, medidas de protecção para funcionários, como a barreira no balcão, uso de equipamentos de protecção individual, sinalização de distanciamento na fila e na sala de espera, e disponibilidade de estações para higiene das mãos, como dispensadores de álcool gel na entrada ou em consultórios.

O que quer dizer que o Centro de Saúde da ilha de Boa Vista passou nesta vistoria, obtendo assim esta certificação de Selo de Conformidade, primeiro a ser atribuído a uma instituição pública de saúde, após surgimento da covid-19.

O administrador do Centro de Saúde, Walter Mendes, considera que também para os funcionários, a atribuição do selo constitui “motivo de grande orgulho”, tendo em conta a readaptação que todos tem vindo a ser sujeitos perante as situações que surgiram na ilha da Boa Vista após o primeiro caso da covid-19 em Cabo Verde.

“Este selo significa um prémio para todos os funcionários e de todas as outras instituições que tem estado connosco nesta luta. Agora é trabalhar para mantermos este selo”, disse.

A mesma fonte realçou que além das consequências negativas, a ilha teve ganhos neste período, apontando “algumas soluções para o centro de saúde”, com destaque para “o reforço da capacidade de recursos humanos e de equipamentos”, sublinhando que “ainda é preciso fazer mais”.

VD/DR

Inforpress/Fim

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos