Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Boa Vista: Primeiro-ministro inaugura na segunda-feira escola básica do Bairro da Boa Esperança orçada 50 mil contos

Sal Rei, 14 Nov (Inforpress) – O primeiro-ministro inaugura na segunda-feira a escola básica do Bairro da Boa Esperança, na cidade de Sal Rei, uma infraestrutura educativa orçada em 50 mil contos e com capacidade para acolher 600 alunos.

Ulisses Correia e Silva encontra-se na ilha Boa Vista desde sábado,13, para uma visita de quatro dias, onde cumprirá uma agenda que inclui, entre outros, encontros com empresários da ilha e atribuição de topónimo “Adán Martin Menis” à via de acesso à Rabil.

Uma nota de imprensa explica que o chefe do Governo visitará igualmente as obras de ligação de água, em Rabil e Povoação Velha, e obras de construção de habitações de interesse social, no âmbito do programa de realojamento em Chã das Salinas, e visita à Farinação.

O documento adianta que o primeiro-ministro tem como principal ponto da sua agenda a inauguração da Escola Básica do Bairro da Boa Esperança, marcada para segunda-feira.

A escola do ensino básico do Bairro de Boa Esperança foi construída de raiz, para responder, segundo o Executivo, às necessidades da comunidade educativa, traduzindo-se em uma infraestrutura moderna e com todas as condições para o ensino/aprendizagem, com capacidade para albergar cerca de 600 alunos, tendo em conta a dinâmica demográfica da ilha da Boa Vista.

Orçada em cerca de 50 mil contos, a escola é composta por dois pisos e oito salas de aula.

No primeiro piso, há duas salas, uma de gestor e outra de professores, ambas com WC,, uma área técnica, instalações sanitárias masculinas, femininas e para pessoas com mobilidade reduzida, quatro salas de aula, um refeitório com cozinha e despensa, um pátio e um horto-escolar, especifica do documento enviado às redacções.

Ainda sobre a infra-estrutura educativa, a nota de imprensa indica que o segundo piso é composto por uma sala de aula/multiuso com lavabo, um arrumo, instalações sanitárias masculinas, femininas e para pessoas com mobilidade reduzida, quatro salas de aula e um auditório/biblioteca, com capacidade para cerca de setenta e cinco pessoas.

VD/JMV
Inforpress/fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos