Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Boa Vista: PM inaugura obras de asfaltagem da via de acesso a Povoação Velha

Sal Rei, 22 Ago (Inforpress) – O primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva, inaugurou hoje, na ilha da Boa Vista, as obras de asfaltagem da via de acesso a Povoação Velha e a segunda fase da construção da estrada que dá acesso à localidade de Rabil.

Estas inaugurações enquadram-se no programa da visita de dois dias do primeiro-ministro à ilha da Boa Vista, acompanhado da comitiva composta pela ministra das Infraestruturas, Ordenamento do Território e Habitação, Eunice Silva, e do ministro-adjunto do Primeiro-Ministro e da Integração Regional, Rui de Figueiredo Soares.

No que diz respeito à inauguração da asfaltagem da via de acesso a Povoação Velha, que se previa ao mesmo tempo com canalização e acesso à água na mesma localidade, o chefe do Governo afirmou que “a prioridade era a estrada para servir a população”.

“A canalização da água vai chegar, e a prioridade era a estrada asfaltada que vai servir a população da Povoação Velha. Estamos a criar as condições para que o acesso à rede de água possa também chegar em breve, e será todo o trabalho feito à berma da estrada asfaltada”, disse o PM sublinhando “ser uma promessa para cumprir”.

Em nota consta que a asfaltagem da via de acesso a Povoação Velha é um investimento do Governo de Cabo Verde em mais de 500 mil contos, iniciado em Junho de 2018, cuja extensão é de 11 quilómetros, que foram asfaltados e beneficiados com serviços hidráulicos, sinalização e segurança.

O chefe do Governo inaugurou também a via de acesso a Rabil, estrada com 1,2 quilómetros, da rotunda de Chaves até a mesma localidade, com obras de sinalização e segurança, financiado pelo Governo através do Ministério das Infraestruturas, Ordenamento do Território e Habitação e Estradas de Cabo Verde, num montante de 58 mil contos.

Quanto à indemnização dos expropriados de terreno naquela localidade, que inicialmente criou impasse antecedendo a execução das obras, o PM garantiu que “este processo já está concluído”, ressaltando ainda que “a obra foi construída sem deixar pendentes relativamente a pagamentos”.

“Não deixamos coisas por pagar, as pessoas já estão indemnizadas, através de um processo diferente daquilo que Cabo Verde foi habituado durante muitos anos particularmente aqui na ilha da Boa Vista”, garantiu o primeiro-ministro.

Ainda da agenda do chefe do Executivo constou a inauguração da segunda fase da zona de expansão do Bairro de Boa Esperança (lote 2), um investimento de 165 mil contos, mais os blocos residenciais que totalizam 256 apartamentos, orçados em 240 mil contos.

Para Ulisses Correia e Silva, o investimento que ultrapassa um milhão de contos, trata-se não somente de infraestruturação, mas hoje com uma zona onde há acesso a redes de água, electricidade e esgotos, de arruamentos, transformando barracas em casas de habitação onde as pessoas possam viver com dignidade.

“Em segundo lugar estamos a fazer todo um processo com a deslocalização de pessoas que moravam em condições muito precárias, muito difíceis para casas em condições de habitabilidade que dignifica as famílias e cria boas condições”, garantiu.

O programa de visita do primeiro-ministro teve início na sexta-feira, com o encontro do ministro-adjunto do Primeiro-Ministro e da Integração Regional, Rui de Figueiredo Soares, com o executivo camarário e terminou hoje, sábado com visitas às obras de requalificação no âmbito do Programa de Requalificação, Reabilitação e Acessibilidades (PRRA) na zona norte.

VD/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos