Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Boa Vista: Padre Adriano Cabral leva “lições da vida de São Vicente” à missa solene deste santo que vai presidir na ilha (c/áudio)

Sal Rei, 21 Jan (Inforpress) – O padre Adriano Cabral, pároco na Boa Vista, vai levar o exemplo de vida que foi São Vicente à missa de hoje, Dia do Município de São Vicente, na paróquia do mesmo nome, em honra ao santo padroeiro da ilha.

À Inforpress, padre Adriano Cabral disse que recebeu com “muita honra” o convite do padre Paulo Vaz, vigário responsável pelas paróquias de São Vicente e Santo António, para presidir a missa solene, em honra ao santo padroeiro da ilha, que acontece hoje às 10:30, na Rua 1, no bairro do Monte Sossego, onde se situa a paróquia de São Vicente.

“Sinto que é uma forma de estar presente no dia muito importante e grande para a paróquia e para a ilha, que pessoalmente nutro uma grande amizade”, afirmou o padre, revelando que foi em São Vicente, mais em particular naquela paróquia, que começou a vida sacerdotal.

Padre Adriano Cabral caracteriza o santo de um diácono, um mártir, que foi feliz e viveu no séc. IV “intensamente ao serviço dos outros”, sobretudo dos mais pobres, destacando que testemunhou “de forma radical e profunda” a sua fé, “em nosso senhor Jesus Cristo”, perdendo a sua vida “de forma violenta” por causa das suas convicções.

Por isso, avançou que vai levar este pensamento e exemplo de vida, despertando nos fiéis e demais presentes a reflexão sobre o que é a paróquia e o que é que os sanvicentinos podem hoje apreender deste santo, procurando se há alguma correlação entre a vida do padroeiro e a vida que se vive e que se quer viver em São Vicente.

“O que é que hoje os sanvicentinos e fiéis precisam pedir com fé é a intercessão do santo modelo e inspirador para continuar a viver de melhor maneira na ilha acolhedora, que todos amam, sendo ele mais próximo e fonte de todas as graças”, questionou o padre, que vai procurar dar três pontos como pistas, em jeito de respostas, a estas perguntas, guiando a “apreender e refrescar” lições de vida do padroeiro.

Segundo o pároco, o santo continua a ser recordado em São Vicente, no mundo e em todo o mundo católico, e tem sido e será sempre inspirador das virtudes e valores que viveu, cultivou e testemunhou, para que a paróquia e a ilha enfrentem todos os desafios que têm.

E para ele estes valores continuem actuais porque, reiterou, São Vicente foi alguém que experimentou com maior profundidade o mistério da vida e do serviço, a partir daquilo que é a vida, que é o servo que é a “pessoa de Nosso Senhor Jesus Cristo”.

A missa solene realiza-se às 10:30, na Rua 1, no bairro do Monte Sossego, onde se situa a paróquia de São Vicente.

As celebrações religiosas que assinalam, também, o Dia do Município de São Vicente, incluíram a habitual peregrinação da imagem de São Vicente pelas comunidades da paróquia, um ciclo de mini-conferências de 40 minutos, a evangelização de proximidade, porta-a-porta, com a colaboração da Comunidade de Renovação Carismática Emanuel, e ainda a formação de todos os agentes pastorais das paróquias de São Vicente e Santo António.

Por seu lado, a câmara municipal, assinala o Dia do Município de São Vicente com uma sessão solene, hoje, às 17:00, no Salão Nobre dos Paços do Concelho, acto que será presidido pelo ministro de Estado e dos Assuntos Parlamentares e da Presidência do Conselho de Ministros e ministro do Desporto, Fernando Elísio Freire.

Antes, às 08:00, houve hastear da bandeira nos Paços do Concelho, seguida de actuação da Banda Municipal.

VD//AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos