Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Boa Vista/Covid-19: “A Morna não pára” acontece no domingo e terá transmissão directa online

Sal Rei, 23 Set (Inforpress) – O presidente da Associação dos Músicos da Boa Vista (AMB), Manuel Brito, confirmou hoje que o evento “A Morna não pára”, para assinalar o dia da Morna na Boa Vista, acontece no domingo, 27, com transmissão directa online.

Em declarações à Inforpress, Manuel Brito assegurou que o evento vai decorrer no Centro de Arte e Cultura e será transmitido em Live Streaming, via plataformas digitais, para que a ilha da Boa Vista não deixe de comemorar o tradicional festival da morna, realizado todos os anos na Praia d´Diante.

“Este ano, dado que à situação que todos conhecem, não vamos conseguir fazer o nosso tradicional festival de morna, na Praia d´Diante. Então, resolvemos fazer alguma actividade, para assinalar esta data que para nós é importante”, explicou o presidente da AMB.

Manuel Brito sustentou que apesar de se estar a viver um ano atípico , por causa da pandemia da covid-19, a organização não vai deixar passar “em branco” o 27 de Setembro, altura em que também se realiza o Festival da Morna.

Manuel Brito referiu que o evento será ainda uma forma de dignificar a morna Património Imaterial da Humanidade, e homenagear António Lima, “Djidjungo”, autor da morna que tem o título “27 de Setembro”, escrita em 1947.

Daí que a Associação dos Músicos da Boa Vista escolheu o mesmo dia para comemorar o dia da Morna na ilha da Boa Vista.

Para a associação, segundo Manuel Brito, “independentemente das dificuldades de todas as restrições, a morna é sempre morna”, defendendo que “não se deve deixar de cantar a música, que é uma das maiores manifestações culturais do país”, embora respeite opinião contrária.

“Ainda há a convicção de que a morna nasceu na Boa Vista”, vincou.

“Assim, com este propósito, vamos nos reunir com os músicos da ilha para que compareçam neste evento, que será feito mais na base de improviso, sem banda fixa, numa rodagem de vocalistas e instrumentistas”, explicou Manuel Brito, sublinhando que será compensado monetariamente todos aquele que se dignarem participar no “Morna não pára”.

Ainda sobre a intenção de apoiar os músicos da Boa Vista neste mesmo evento, Manuel Brito explicou que se pretende acrescentar a quantia arrecadada durante a campanha solidária “7 Dias 7 Mornas”, realizada durante cinco semanas, em conjunto com a bisneta da Maria Bárbara.

“A campanha solidária para apoiar os músicos da Boa Vista não teve grande impacto a nível financeiro, mas teve sim grande repercussão a nível cultural e social”, adiantou, referindo-se ao projecto desenvolvido em parceria com a Câmara Municipal da Boa Vista e que contou com o apoio de algumas instituições da ilha.

Ainda sobre “A Morna não pára”, que poderá ser assistido a partir de casa, o presidente da AMB avançou que “no espaço do CAC poderá haver alguns convidados”, mas “com restrições, para evitar aglomeração de pessoas e salvaguardar as medidas sanitárias em vigor”.

“As restantes pessoas poderão ver nas suas casas em live streaming o evento. Mas ainda está-se em discussão em que plataforma digital a iniciativa será exibida. Então ainda não está bem definido, mas o certo é que será transmitido no faceboock”, concluiu Manuel, apelando à colaboração dos músicos.

VD/JMV
Inforpress/fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos