Boa Vista: Cantora Bárbara Wahnon procura ancestralidade da bisavó Maria Bárbara (c/áudio) (RECTIFICADA)

Sal Rei, 15 Jul (Inforpress) – A cantora Bárbara Wahnon encontra-se na Boa Vista de onde é natural a bisavó, Maria Bárbara, uma das primeiras cantadeiras a internacionalizar a morna, em 1934.

Em declarações à Inforpress, a cantora Bárbara Wahnon disse que está à procura da ancestralidade, de conhecer a cultura e as gentes de Cabo Verde, tendo em conta que nasceu e cresceu em Portugal, com pouco ou nenhum contacto com os costumes de Cabo Verde.

A artista disse que a ideia da viagem surgiu da necessidade de conhecer o lugar, conhecer melhor a cultura e a sua árvore genealógica, mas lamentou ter ficado confinada à sua chegada, em Março, por causa da covid-19 que a impediu de fazer logo o que tinha planeado.

Mas agora, Bárbara congratula-se por “abrir um começo”, envolvendo-se com a comunidade da ilha da Boa Vista, berço da morna, onde em 1905 nasceu sua bisavó Maria Bárbara, “pioneira” da internacionalização da morna, hoje património cultural imaterial da humanidade.

“Está a ser lindo, chego até a me arrepiar. Quando cheguei desatei a chorar, porque o impacto foi grande que quase que senti e ouvi a minha avó a dizer: “Bem-vinda e finalmente”, proferiu, destacando o carinho e o acolhimento de quem a recebeu e do povo cabo-verdiano, e em particular da tia Nanda, que teve oportunidade de conhecer.

“Não tinha noção que as pessoas conheciam tanto sobre a minha bisavó Maria Bárbara”, disse, explicando que várias visualizações e reacções numa publicação da página online Onda Crioulo, despertou-lhe “a vontade e a motivação” para conhecer o legado de cuja importância antes não tinha noção.

Bárbara Wahnon adiantou que veio resgatar e registar as memórias da sua família, já que tudo o que sabia sobre a sua bisavó, foi-lhe passado pela sua avó Clarice Pinheiro, filha de Maria Bárbara.

A mesma reconheceu que, após o falecimento desta em Dezembro de 2018, apercebeu-se de que deixou de ter quem lhe transmitisse a herança cultural da sua bisavó que, em 1934, cantou no Palácio de Cristal da cidade do Porto, representando Cabo Verde, com um grupo de músicos e cantadeiras na Primeira Exposição Colonial Portuguesa.

Daí, assegurou que aumentou a necessidade desta viagem. E para isso, contou que já foi à Povoação Velha, localidade onde ainda há escombros da casinha da sua bisavó e onde teve a oportunidade de conhece uma senhora que se lembra das suas avós.

“Conhecer a casinha da minha bisavó, onde há já lá praticamente só o espaço, foi emocionante”, afirmou Bárbara frisando que “a experiência está a decorrer de maneira incrível”, em saber mais sobre a Maria Bárbara, co-autora da letra duma morna que leva o seu nome, que até hoje é cantada por muitas vozes do arquipélago.

A mesma admitiu “ser assustador aperceber-se que são cada vez menos as pessoas que lhe podem falar sobre aquela que é considerada uma das primeiras embaixadoras da morna”, que, em 1940, também terá cantado na Exposição do Mundo Português em Lisboa, tendo o sucesso sido tal que foi parabenizada pelo próprio Presidente de Portugal, Marechal Carmona.

Mas para Bárbara, isto tudo não é somente por ser a sua origem, mas é também “para ajudar a conhecer a identidade cultural do país, enquanto força de um povo, para que se possa conhecer a origem e não ter muitas dificuldades em se saber para onde caminhar futuramente”.

Maria Bárbara cresceu com fama de grande cantadeira também por toda a ilha, sendo a sua presença requisitada em tudo quanto era festa e cerimónia oficial das entidades coloniais da ilha da Boavista nos anos 30.

Emigrou para Bissau em 1941, com as duas filhas (Clarisse Pinheiro e Aldonça Pinheiro), onde labutou pela vida durante 34 anos, sempre a cantar a morna e outras melodias da sua ilha, e divulgando a música da sua terra natal em serenatas e cerimónias oficiais. Foi em Bissau que morreu aos 75 anos no dia 02 de Julho de 1974.

VD/HF

Inforpress/FIM

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
[wd_asp elements='search' ratio='100%' id=2]
    • Categorias

  • Galeria de Fotos