Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Boa Vista: Ayana Libardoni fala do percurso empreendedor na área cultural e turismo no B-Bright

Sal Rei, 02 Dez (Inforpress) – A oradora para Bright Talk do mês de Dezembro, na ilha da Boa Vista, Ayana Libardoni, apresenta hoje no Sodade Casa da Cultura a sua experiência empreendedora e investimento no sector turístico e cultural.

Em apresentação do Bright Talk no mês de Novembro, a empresa Humana Skala e o engenheiro electrónico Arito Melo apresentam as suas experiências em empreendedorismo digital, e, este mês, a convidada é Ayana Libardoni para a conversa organizada pela Geração B-Bright.

À Inforpress a oradora, que é proprietária da recém-aberta Sodade Casa da Cultura, avançou sobre a conversa que espera ser “inventiva, inspiradora” e, sobretudo, uma troca de experiências com o público e jovens que pretendem dar início a algum investimento com foco na área cultural e turística.

“Como já é do conhecimento de todos, sou uma protectora da nossa cultura, e do nosso património, e, mesmo nas redes sociais, acusam-me de ser fervorosa”, disse, “levantando o véu” do mote da apresentação agendada para esta quinta-feira.

Segundo contou Ayana Libardoni, desde cedo, quando iniciou os seus estudos, enveredou para o ramo do empreendedorismo, se arriscou a abrir os seus próprios negócios, e, apesar de considerar muitos os aspectos burocráticos, que ao seu ver poderiam ser facilitados, incentiva outros jovens a seguir o caminho empreendedor.

“Mas é uma questão de persistência e de não desistir”, aconselhou, adiantando que pretende falar do seu percurso em que contou com o apoio dos pais que seguem no mesmo ramo, e do marido que a incentivou a trabalhar por conta própria.

E com o propósito de resgatar e não deixar cair no esquecimento a Boa Vista de outrora, dar a conhecer a nova geração e aos turistas a história que é também do povo cabo-verdiano, que Ayana Libardoni abriu a Sodade Casa da Cultura, numa casa de época colonial restaurada, situada na cidade de Sal Rei.

“É recompensador quando as pessoas da ilha chegam aqui visitam e saem daqui com água nos olhos, e me parabenizam pelo trabalho que fizemos, que lhes relembrem a infância ou de Boa Vista outrora”, observou, reiterando o entusiasmo que quer transmitir para o público, a nova geração, e aos turistas que visitarem a Sodade Casa da Cultura , com um pouco do que a ilha da Boa Vista tem de genuíno em termos culturais.

VD/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos