BM disponibiliza 90 milhões de dólares a Cabo Verde para concretização do programa de governação

 

Cidade da Praia, 27 Abr (Inforpress) – O montante de 90 milhões de dólares disponibilizados pelo Banco Mundial (BM) a Cabo Verde para os próximos três anos, destina-se ao financiamento de vários projectos, mas sobretudo à concretização do programa de governação.

Esta informação foi avançada hoje na Cidade da Praia, pelo ministro das Finanças, Olavo Correia, no acto do empossamento dos directores gerais da Administração Pública.

“Com este montante vamos focar também na educação e na criação de condições de infraestruturas para que o país possa continuar a crescer, avançar e a desenvolver-se”, explicou o ministro das Finanças.

Segundo Olavo Correia, este financiamento vai ajudar também no processo de reestruturação dos TACV que obriga a assunção de encargos.

“Com este montante temos recursos necessários para avançar com a reestruturação dos TACV e com sucesso”, disse.

Recentemente, o primeiro-ministro afirmou que a “TACV era para ser liquidada” e que “todos os dados apontavam para esse caminho”, mas que “devido a esforços deste governo, a empresa vai ser reestruturada e privatizada com o apoio do BM”.

Na ocasião, Ulisses Correia e Silva sublinhara a importância do financiamento e disse que o montante disponibilizado é o resultado de “um grande esforço de restauração da confiança junto do Banco Mundial.

O montante disponibilizado pelo Banco Mundial é um empréstimo em condições excecionais que vai permitir alavancar o processo de desenvolvimento de Cabo Verde, informou o ministro das Finanças.

JL/FP

Inforrpess/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos