Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Banco Mundial financia com 10 milhões de dólares o projecto de inclusão social em Cabo Verde

Cidade da Praia, 25 Jan (Inforpress) – O vice-primeiro-ministro e ministro das Finanças, Olavo Correia, anunciou hoje que o Banco Mundial acaba de aprovar um crédito adicional de 10 milhões de dólares a Cabo Verde para financiamento do Projecto de Inclusão Social.

De acordo com uma publicação na página do facebook do vice-primeiro, este crédito adicional vai beneficiar mais 18 mil famílias com Rendimento Social de Inclusão (no valor mensal de 5.500 escudos por família).

O governante frisou que este mecanismo de Rendimento Social de Inclusão foi recentemente atribuído a cerca de 4.500 famílias, sendo que devido à situação emergencial provocada pelo covid-19, foi alargado para mais cerca de 5.500 famílias.

“Com este reforço, vai-se beneficiar mais 18 mil famílias – com isso, abrangendo um universo de cerca de 28 mil famílias”, realçou Olavo Correia.

De acordo com o vice-primeiro ministro e ministro das Finanças, “o Governo tem feito esforços consideráveis” para amortecer os choques provocados por esta crise, actuando sobretudo com foco nas pessoas e no seu bem-estar.

Afiançou, por fim, que a pobreza no país tem um cunho consideravelmente feminino, pelo que com mais este projecto, “o Executivo está confiante” que se estará a fazer mais um “importante trabalho em salvaguarda dos mais necessitados”.

Cabo Verde vive uma crise económica provocada pela pandemia, com o sector do turismo, que garante 25 por cento (%) do PIB, parado desde Março, com perdas que podem chegar aos 70% na procura turística e uma taxa de desemprego estimada que duplicou em 2020, para cerca de 20%.

HR/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos